Neste domingo, casal de avós perdeu a vida depois que carro capotou na Freeway (BR-290)

Pelo menos 14 pessoas morreram em acidentes no Rio Grande do Sul desde a noite de sexta-feira até a tarde deste domingo. Entre os casos mais recentes está o casal de avós Elio Cassanego, de 63 anos, e Lourdes Cassanego, 60. Os dois morreram às 12h15 de hoje depois que o Space Fox que eles estavam capotou no quilômetro 43 da Freeway (BR-290) em Glorinha. O neto das vítimas Mateus Chaves, seis anos, ficou gravemente ferido e está internado no Hospital de Pronto-Socorro da Capital.

Em Caxias, Johnatan Croda, 20 anos, morreu às 13h deste domingo no km 134 da BR-116. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Johnatan descia a rodovia no sentido Caxias-São Marcos, na contramão, quando colidiu com o Voyage dirigido por José Henrique Pereira, 45 anos.

Em Rio Grande, o motociclista Leonardo Simões Pólvora, 22 anos, morreu na madrugada deste domingo, em acidente na estrada que liga Rio Grande a Pelotas (BR-392), no sul do Estado. Funcionário de uma empresa de transporte rodoviário, ele conduzia sua CBX Twister, placas ILR-8111, no sentido Pelotas-Rio Grande. Por volta das 2h40, ao passar pelo km 43,3, Pólvora não avistou o tachão instalado no trecho que atravessa a localidade do Povo Novo. O piloto perdeu o equilíbrio e foi jogado ao chão. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Em Igrejinha, uma jovem de 20 anos morreu em um acidente de motocicleta, por volta das 2h de domingo. Cristiane da Cruz conduzia uma Honda Biz, na Rua Anita Garibaldi, quando se chocou com uma Honda CG que estava estacionada.

Em Estrela, uma jovem de 20 anos morreu em um acidente na madrugada deste domingo. Paula Juliane Elicker era caroneira da motocicleta Honda CG 150 que, por volta de 5h10, virou e caiu na rodovia Estrela-Garibaldi (RSC-453). O acidente ocorreu no km 38, onde há uma lombada eletrônica. O condutor da moto, Everton Oliveira, 23 anos, sofreu ferimentos leves.

Em Palmeira das Missões, Giovana Cristina Magalhães, 24 anos, morreu na madrugada deste domingo após o carro em que estava capotar no município do norte do Estado. Ela era passageira no Golf, ano 2002, que andava no sentido Centro-Bairro da Avenida Independência.

Sábado

O comerciante Roberto Calegaro, de 35 anos, morreu após mais de um dia hospitalizado. Ele se acidentou na noite de sexta-feira, quando o táxi em que estava bateu em uma Saveiro, na esquina da avenida Borges de Medeiros com a rua Voluntários da Pátria.

Por volta das 6h30 de sábado, o motociclista identificado pela Brigada Militar como Joacir Silveira da Cunha, 40 anos, morreu no choque entre a moto que conduzia, uma CG Titan, e um caminhão Ford Cargo. O acidente foi em uma curva na Avenida Oscar Pereira, próximo à Estrada Antônio Borges.

Em São Leopoldo, Evangelina Monteiro Cardoso, 58 anos, foi atropelada às 22h50 de sábado e morreu à 1h30 deste domingo, no Hospital Centenário. O acidente aconteceu na Avenida Integração. Evangelina tentava atravessar quando foi atingida pela motocicleta Honda CG, 125 cilindradas, conduzida por Lucas Souza da Fonseca, 19 anos.

Em Independência, no sábado à tarde, um acidente no km 55 da rodovia Independência-Três de Maio (RS-342) matou Mauri Carlos Freitas da Motta, 38 anos. Às 17h30, ele dirigia uma motocicleta Honda Biz, ano 2005, de 125 cilindradas, que bateu de frente em um Verona, ano 1991.

Sexta-feira

Em Novo Hamburgo, o motociclista Valdemar José da Silva, 40 anos, morreu após bater a moto em que estava, uma Honda CG de 125 cilindradas, na traseira de um ônibus que estava parado. O acidente aconteceu por volta das 23h30 de sexta-feira, na Estrada do Itaimbé, em Lomba Grande.

Em Serafina Corrêa, José Iran Silva dos Santos, 26 anos, motorista de uma Saveiro, morreu em uma colisão frontal com uma carreta, ocorrida às 23h15 de sexta-feira no km 145 da estrada Serafina Corrêa-Guaporé (RS-129), no norte do Estado. De acordo com Adalberto Silveira, do Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), a vítima chegou a ser socorrida mas morreu antes de receber atendimento médico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui