CÃO FAREJADOR: O E Travados detectou a presença de drogas na bagagem de um dos passageiros no ônibus, na BR-060, em Brasília (DF). Foto: Divulgação

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Federal (PF) prenderam, na tarde dessa quinta-feira (20), um jovem com 11 quilos de skunk, durante fiscalização na BR-060, em Brasília (DF).De acordo com os policiais, ao fiscalizarem um ônibus interestadual, que realizava o itinerário São Bernado do Campo (SP) x Fortaleza (CE), os policiais iniciaram então a fiscalização nos bagageiros com o auxílio dos cães farejadores, que dão mais agilidade para este tipo de fiscalização.

Ainda de acordo com os policiais, após os agentes solicitarem que todos os passageiros descessem com seus pertences, o cão farejador E turcodos deu sinal de alerta positivo para drogas em uma mochila, onde os policiais encontraram três quilos de skunk.

Ao revistar o bagageiro externo, os cães da PRF e PF novamente indicaram a presença de entorpecente, dessa vez contendo mais 8 tabletes da mesma substância, totalizando aproximadamente 11 quilos de skunk.

As bagagens pertenciam a um mesmo passageiro, um jovem de 23 anos. Ele relatou aos policiais que adquiriu a droga em Santarém (PA) e que ele mesmo a revenderia em Aracaju (SE).

O envolvido e a substância psicoativa foram encaminhados para a Coordenação de Repressão às Drogas (Cord) da Polícia Civil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui