RECUPERADA: Rodovia BR-070, em Goiás, é recuperada em 30 quilômetros, entre os km 375 e 405, em Montes Claros de Goiás. Foto: Divulgação/Dnit

De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), obras garantem mais segurança aos usuários e beneficiam região de agronegócio e turismo

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), entregou na última quinta-feira (16), 30 quilômetros restaurados com a implantação de acostamentos na BR-070, entre os km 375 e 405, em Montes Claros de Goiás, no Estado de Goiás. As obras começaram em 2020 e o investimento neste segmento foi de R$ 33.398.167,14.

De acordo com o Dnit, dos 30 quilômetros restaurados, 10 estavam em piores condições, o que exigiram soluções mais robustas, como serviços de reciclagem de base, de Tratamento Superficial Duplo (TSD) e, em seguida, de reforço de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ), em duas camadas.

Ainda de acordo com o Dnit, as condições eram melhores nos 20 quilômetros restantes e o projeto definiu soluções mais simples. Nesse trecho, foram executados serviços de reparos profundos localizados e, em seguida, uma camada de reforço com CBUQ.

Segundo a Autarquia, tais obras fazem parte de um contrato que abrange todo o segmento entre Itapirapuã e Aragarças. O investimento total será de R$ 245.556.026,43.

Além da restauração, esse contrato – que termina em 2022 – contempla os serviços de manutenção rotineira em todo o segmento da rodovia federal, de 182 quilômetros de extensão. Dentre eles estão a execução de tapa-buracos, limpeza e recuperação dos dispositivos de drenagem, dentre outros.

Os trabalhos executados na rodovia permitem que o pavimento suporte de forma adequada o volume de tráfego existente na região. Além desse benefício, proporcionará maior segurança e conforto aos usuários que trafegam pela via.

Centro-Oeste brasileiro

A BR-070 é uma rodovia radial, que parte do Distrito Federal e vai até a fronteira com a Bolívia, passando por Goiás e Mato Grosso, no Centro-Oeste do país. A região é conhecida por ser destaque no agronegócio brasileiro e por abrigar empresas e grupos de vários segmentos, como cooperativas agroindustriais, usinas de álcool e de bioenergia, cooperativas de crédito, companhias de alimentos, mineradoras, dentre outras.

A região também é procurada pela temporada de praia em Aragarças, que acontece em julho, e por outros locais da região Sudoeste do Estado de Goiás.

Com informações da Ascom do Dnit

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui