As rodovias que cortam São Paulo registravam lentidão por volta das 20h00 deste domingo (25), retorno do feriado de Natal. A situação era complicada principalmente na Castello Branco, que acumulava filas entre os km 50 e 30, no sentido São Paulo, por causa do excesso de veículos. Quem optava pela Raposo Tavares encontrava lentidão entre os km 39 e 34.

O tráfego também era congestionado na Rodovia Ayrton Senna na região entre Mogi das Cruzes e Itaquaquecetuba, do km 44 ao 32, no sentido São Paulo, e, em direção ao interior, entre os km 30 ao 32. Em Guarulhos, o tráfego era lento entre os km 24 e 21. A Carvalho Pinto tinha movimento bom por volta das 19h30.

Quem deixou o litoral paulista em direção à capital paulista enfrentava movimento intenso com pontos de parada na Rodovia dos Imigrantes, entre os km 55 ao 42, no trecho de túneis. Segundo a Ecovias, a Anchieta era melhor opção no horário. Por causa do aumento do número de veículos nos dois sentidos, o sistema ainda operava às 19h50 com cinco pistas no sentido capital paulista e outras cinco usadas pelos motoristas que seguem para o litoral.

A Padre Manoel da Nóbrega estava congestionada do km 279 até o km 274, no acesso à Imigrantes, devido excesso de veículos. A rodovia chegou a ser interditada na altura do km 276 por causa do incêndio em um carro, causado por uma pane elétrica. Ninguém ficou ferido. A pista foi liberada às 19h40.

O motorista encontrava filas no horário na Dutra entre os km 205 e 208 e do km 203 ao 205. Na Bandeirantes, havia lentidão do km 69 ao 58, na região de Jundiaí, e do km 21 ao 18.

O tráfego era ruim também na Anhanguera, com morosidade entre os km 25 e 23 e do km 67 ao 57. Toda a lentidão dessas rodovias era provocada pelo excesso de veículos.

A Rodovia Fernão Dias tinha congestionamento entre os km 41 e 49 do sentido São Paulo, segundo a Polícia Rodoviária Federal. Na Régis Bittencourt, o trânsito era lento no trecho de serra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui