Manhã deste sábado teve ao menos sete ocorrências em rodovias e cinco em vias urbanas

O Rio Grande do Sul registrou pelo menos 12 acidentes graves desde às 5h30, deste sábado (24) com cinco pessoas mortas e 13 feridas. Os óbitos foram em apenas quatro ocorrências no período de quase uma hora, entre 5h30 e 6h30. Em muitos dos casos, chovia forte no momento dos fatos.

Ao todo, foram sete acidentes em rodovias e cinco em vias urbanas. Foram seis casos em Porto Alegre, um em Gravataí e os demais em estradas do Litoral Norte, Serra e norte do Estado. Os casos mais graves foram na BR-386 — que registrou dois acidentes com três mortes, em Soledade e São Pedro das Missões. Outros casos graves ocorreram na BR-470, em Garibaldi, e no bairro Santana, em Porto Alegre.

Garibaldi

Altamir Oliveira / Rádio Estação FM
Altamir Oliveira / Rádio Estação FM

Darci Furlanetto morreu em um acidente envolvendo um caminhão e um carro de passeio na BR-470, em Garibaldi, por volta das 6h30. Houve uma colisão lateral no trevo de acesso do Posto Avião, na altura do quilômetro 225 da estrada.

A vítima dirigia um Kia Picanto e estava sozinha no momento do acidente, conforme o Corpo de Bombeiros Voluntários de Garibaldi. O caminhão envolvido é de Nova Bréscia. O motorista do veículo de carga não se feriu. Furlanetto foi presidente da Associação dos Motoristas de Garibaldi (AMG) na gestão 2001/2003.

São Pedro das Missões

Divulgação / Polícia Rodoviária Federal
Colisão frontal entre um carro e uma caminhonete (Foto: PRF)

No município de São Pedro das Missões, na BR-386, quilômetro 88, por volta das 5h30, houve uma colisão frontal entre um carro e uma caminhonete. Duas pessoas pessoas morreram e cinco ficaram feridas. A via já foi liberada. Os dois homens que morreram no local, ambos do município, estavam no carro e as cinco pessoas feridas na caminhonete. Os nomes não foram divulgados.

Maquiné

Divulgação / Polícia Rodoviária Federal
Muitos pertences foram espalhados pela via (Foto:PRF)

Cinco pessoas, em princípio da mesma família, ficaram feridas na BR-101, altura do quilômetro 59 da BR-101 em Maquiné, no sentido Osório/Torres. Três pessoas tiveram lesões mais graves, um casal e um dos três filhos. Muitos pertences foram espalhados pela via pelo fato de que a caminhonete envolvida no acidente tinha um reboque. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) diz que o veículo aquaplanou e saiu da pista, caindo no canteiro central. A via já foi liberada. Os nomes não foram divulgados.

Soledade

Divulgação / Polícia Rodoviária Federal
Um Peugeot colidiu frontalmente com um caminhãoDivulgação / Polícia Rodoviária Federal

Em Soledade, por volta das 6h30min, na altura do quilômetro 257 da BR-386, próximo ao Parque das Tuias, um Peugeot com placas de Palmeira das Missões trafegava no sentido Interior/Porto Alegre quando perdeu o controle e colidiu frontalmente com um caminhão com placas de Arroio do Meio. O condutor do carro morreu no local. Ele tinha 50 anos de idade e o nome não foi revelado. Segundo a PRF, os pneus do Peugeot estavam com desgaste excessivo e chovia no momento do acidente. O trânsito já foi liberado.

Outros acidentes

Também ocorreram outros três acidentes na Capital: um carro que bateu na mureta centra da freeway, na altura da Arena, outro carro que capotou na Avenida José de Alencar, em frente ao hospital Mãe de Deus, e uma colisão de dois carros no cruzamento da Rua 24 de Outubro com a Dr. Timóteo. Nos três casos houve apenas danos materiais.

Na BR-116, em Canoas, uma pessoa ficou ferida após aquaplanagem de um veículo que bateu em um muro na altura da Praça do Avião, e na BR-290, em Porto Alegre, dois carros colidiram na altura da Ponte do Canal Furado Grande, altura do quilômetro 98. Neste caso houve apenas danos materiais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui