CAMPANHA: A ViaOeste e o Instituto CCR realizam nesta semana um evento que pretende sensibilizar os caminhoneiros sobre o risco de se contrair o diabetes. A açao será na base fixa do Programa Estrada para a Saúde, na Área de Descanso do Caminhoneiro, no Km 57 da Castello Branco (SP-280), sentido capital, e marca o Dia Mundial do Diabetes, celebrado em 14 de novembro. Foto: Aderlei de Souza/Ilustrativa

De acordo com a programação, caminhoneiros que trafegam no sistema Castello-Raposo receberão orientações sobre a doença

A concessionária ViaOeste e o Instituto CCR realizam nesta semana um evento que pretende sensibilizar os caminhoneiros sobre o risco de se contrair o diabetes. A açao será na base fixa do Programa Estrada para a Saúde, na Área de Descanso do Caminhoneiro, no Km 57 da Castello Branco (SP-280), sentido capital, e marca o Dia Mundial do Diabetes, celebrado em 14 de novembro.

De acordo com a empresa, em 2019, mais de dois mil caminhoneiros foram atendidos pelo Programa e realizaram o teste de glicemia. Desse total, 13% apresentou alteração no resultado do teste, com glicemia fora dos padrões adequados. Segundo o Ministério da Saúde, em 10 anos houve um crescimento da doença em 61,8% no Brasil.

A doença

O diabetes é causado pela produção insuficiente ou má absorção de insulina, um hormônio que regula a glicose no sangue e garante energia para o organismo. Os profissionais que atuam no Programa Estrada para a Saúde irão alertar os motoristas sobre os principais sintomas da doença, como cansaço fácil, muita sede, maior apetite e urina aumentada. No tipo 1 de diabetes, prevalece o emagrecimento da pessoa. Enquanto no tipo 2, há um ganho considerável de peso.

A doença provoca graves efeitos no organismo, como lesões cutâneas, principalmente nos pés, enfraquecimento e queda dos dentes, parada da função renal, perda da visão com grande risco de levar à cegueira, bem como pode ocasionar problemas cardíacos.

Outro ponto importante que será destacado aos caminhoneiros são os fatores de risco que levam à doença, dentre eles o consumo excessivo de doces, carboidratos, refrigerantes, alimentos industrializados, carnes gordurosas, itens derivados da farinha de trigo, além da ingestão excessiva de bebidas alcoólicas.

Além disso, a obesidade e o sedentarismo também contribuem para os riscos. Diante disso, a prevenção à doença é fundamental, e evitar o consumo dos alimentos  citados, bem como manter uma dieta equilibrada, com frutas, legumes, ovos, peixe, frango e arroz integral é recomendável. É importante realizar exames de glicemia e consultar o médico regularmente. Adotar a prática de atividades físicas é outra forma de combater o diabetes.

Estrada para a Saúde

O Programa “Estrada para a Saúde”, mantido pelas concessionárias do Grupo CCR, oferece a oportunidade do caminhoneiro cuidar do seu bem estar físico e mental gratuitamente. Na base, ele pode realizar: exames de glicemia, colesterol e pressão arterial; acuidade visual; cálculo de IMC; consultas especializadas com enfermeiros; tratamentos odontológicos preventivos; além de usufruir de serviços como corte de cabelo e massagem bioenergética. Os serviços são oferecidos diariamente em um moderno Centro de Atendimento, instalado na Área de Descanso do Caminhoneiro no Km 57 da Castello, sentido capital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui