DORGAS: Ação conmjunta entre PRF, PM de Mato Grosso e PM de Goiás apreende 20 kg de pasta-base de cocaína e prende dois traficantes na BR-364, em Alto Araguaia (MT). Fotos: Divulgação/PRF

De acordo com a PRF, operação envolveu as polícias militares de Mato Grosso e Goiás; droga estava no interior do tanque de combustível do veículo

Uma operação, nesta terça-feira (5), envolvendo a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e as Polícias Militares de Mato Grosso e de Goiás, apreendeu aproximadamente 20 quilos de pasta-base de cocaína, no km 5 da BR-364, em Alto Araguaia (MT).

De acordo com as equipes, as drogas estavam escondidas no tanque de combustível de um Fiat Siena, cor branca, com placas de São José de Quatro Marcos (MT), cidade próxima à divisa com a Bolívia.

Ainda de acordo com os policiais, o automóvel foi parado na fiscalização e foi solicitado ao motorista os documentos. O Siena estava sendo conduzido por um homem, de 43 anos, e tinha como passageiro o dono do carro.

Sehgundo os militares, após abordagem e entrevista com os ocupantes, notou-se exagerado nervosismo e apresentação de informações desencontradas do motivo e destino da viagem, despertando suspeita da ocorrência de algum possível ilícito.

Diante disso, foi realizada uma vistoria minuciosa e as equipes encontraram dentro do tanque de combustível, 20 pacotes de pasta-base de cocaína, totalizando aproximadamente 20 quilogramas.

Segundo os policiais, os tabletes estavam dentro de bexigas plásticas coloridas. Os envolvidos informaram que levariam a droga até Mineiros (GO), e receberiam R$ 20 mil pelo transporte.

Os policiais deram voz de prisão aos ocupantes do veículo pelo crime de tráfico de drogas. A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil de Alto Araguaia para a realização das demais providências cabíveis.

APREENSÃO: Segundo os policiais, os tabletes estavam dentro de bexigas plásticas coloridas. Os envolvidos informaram que levariam a droga até Mineiros (GO), e receberiam R$ 20 mil pelo transporte. Eles foram presos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui