MENOS UM ACIDENTE: A Área de Escape no Km 353 da Rodovia Régis Bittencourt (BR-116), em Miracatu (SP), evitou mais um acidente na manhã desta sexta-feira (28), de acordo com a concessionária responsável pela rodovia. Foto: Divulgação/Arteris/Ilustrativa

De acordo com a concessionária Arteris Régis Bittencourt, caminhoneiro saiu ileso

A Área de Escape no Km 353 da Rodovia Régis Bittencourt (BR-116), em Miracatu (SP), evitou mais um acidente na manhã desta sexta-feira (28), de acordo com a concessionária responsável pela rodovia.

Ainda de acordo com a empresa, no fim da manhã, por volta de 11h15, uma carreta com 5 eixos carregando uma carga de chapas de aço, com peso aproximado de 39 toneladas, adentrou no dispositivo, devido à uma pane no sistema de freios.

Segundo a empresa, o caminhoneiro relatou que fazia a rota de Resende (RJ) para São José dos Pinhais (PR), quando na altura do Km 349 percebeu os primeiros problemas de frenagem da carreta. Ele disse ainda que foi a primeira vez que ele passou pelo trecho neste ano, mas como já conhecia o dispositivo, apenas “torceu” para que a área estivesse livre naquele momento.

“Eu já conhecia o trajeto. Eu estava descendo há 4 quilômetros atrás, quando acabou o ar do freio. Desespero total, reza, pede a Deus… E graças a Deus que tinha a área de escape e eu consegui sair ileso”.

Diante disso, o caminhoneiro conduziu a carreta até o Km 353, onde está situada a área de escape, alcançando a frenagem total em segurança. O condutor também elogiou a ótima sinalização ao longo da rodovia avisando sobre o dispositivo, que o ajudou a se localizar. “Queria dizer para os companheiros que ela salva vidas mesmo”, finalizou.

Nona entrada em 2020

Desde a implantação da Área de Escape na Régis Bittencourt, foram 32 entradas, sendo 9 ocorrências no ano de 2020. De acordo com as estatísticas, considerando o período de 01/01/2020 a 12/08/2020, houve uma redução de 23% no número de acidentes ao se comparar com o mesmo período de 2019. Foram 32 ocorrências até o presente momento, com 36 vidas salvas graças ao dispositivo.

Confira o vídeo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui