No mês de outubro continuam as intervenções na BR-163/SC para remoção de rochas. O tráfego  será interrompido entre o Km 87 e o Km 98, nos dias 1º, 2, 3 e 4 de outubro, entre às 12h e 14h, para o corte de rochas com a detonação de explosivos. O tempo previsto do bloqueio é duas horas, nos dois sentidos, podendo ser estendido ou reduzido de acordo com o volume de material a ser removido sobre a rodovia após a detonação, com prioridade em uma das faixas de rolamento para a liberação do tráfego em meia pista. Em caso de mau tempo, os trabalhos poderão ser cancelados.

Os serviços de remoção de rochas fazem parte das obras de adequação da capacidade e restauração da BR-163/SC, empreendimento em execução pelo DNIT – Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes no valor de R$ 110 milhões.

No período de construção, os usuários devem estar atentos à sinalização de obras, obedecendo aos limites de velocidade indicados para cada segmento da rodovia.

Paralelo aos serviços de ampliação de capacidade e restauração, a BR-163 tem contrato de manutenção e conservação por meio do Programa CREMA Etapa 2.

Caso os usuários observem a necessidade da intervenção dos serviços de manutenção, devem comunicar ao DNIT pelo telefone 48 3229-1779 (Assessoria de Comunicação) ou e-mailascomsc@dnit.gov.br.

Resumo da obra de adequação da capacidade da BR-163/SC

Trecho: São Miguel do Oeste – Dionísio Cerqueira.

Segmento: Km 64,1 ao Km 122,6 e km 0,0 ao 3,6 (acesso ao Porto Seco no Município de Dionísio Cerqueira/SC, fronteira Brasil/Argentina).

Extensão: 62,1 km.

Valor: R$ 110 milhões

Empresa: Sulcatarinense

Início: maio/2013

Prazo contratual de execução: 2 anos

 

Melhorias previstas

Restauração de 62,1 km de pavimento;

Implantação/restauração de 61,8 km de acostamentos;

Implantação de 10 rotatórias e 4 viadutos;

Implantação de 23,1 km de terceiras faixas;

Implantação de 28,4 km de vias laterais;

Implantação de 23,4 km de passeios (calçadas);

Regularização de acessos à rodovia;

Implantação de áreas de refúgio para pontos de ônibus;

Plantio de 442 mil m² de grama;

Instalação de 6 Km de defensas metálicas.

Fonte: DNIT/SC

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui