PRONTA: Os usuários da Rodovia Wilson Finardi (SP-191) vão ter mais segurança e conforto ao trafegarem pela via. Trecho entre Araras e Rio Claro foi entregue nesta segunda (9). Foto: Divulgação

Duplicação da via, na região de Campinas, foi entregue nesta segunda-feira (9); investimentos foram de R$ 49,4 milhões

Os usuários da Rodovia Wilson Finardi (SP-191), principal eixo viário entre os municípios de Araras e Rio Claro na região de Campinas, terão mais segurança e conforto nas viagens a partir desta segunda-feira (9).

De acordo com Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), as obras de duplicação fazem parte do contrato de concessão entre a concessionária e o Governo de São Paulo.

Ainda de acordo com a Artesp, a via também é importante ligação entre a Via Anhanguera (SP-330) e a Rodovia Washington Luís (SP-310). De acordo com a Agência, foram duplicados 7,5 quilômetros de pistas pela concessionária Intervias.

Investimentos

Com investimento de R$ 49,4 milhões, a obra gerará maior fluidez do tráfego com aumento da capacidade da via e aumento do potencial de atração de empresas e investimentos, motivados pela melhoria logística, o que levará à geração de empregos e ao incremento da arrecadação municipal.

De acordo com a Artesp, os 7,5 quilômetros de duplicação estão divididos em dois trechos. Um deles em Araras, entre o km 49,7 (entroncamento com a SP-330) e o km 52,7, e o outro em Rio Claro, do km 70,2 ao km 74,7 (chegada à SP-310).

A modernização do trecho foi complementada com diversas outras intervenções como a implantação de entroncamento no km 49,7, de passagem superior para acesso ao Distrito Industrial de Araras no km 52,1, de dispositivo de retorno no km 71,1 e de ponte de concreto no km 71,8, além de obra de complementação e ampliação do dispositivo de entroncamento com a Washington Luís (SP-310) – no km 74,7.

Obras concluídas

De acordo com a Artesp, considerando a conclusão dessas obras na SP-191, já foram entregues este ano, pelo Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo, na região de Campinas obras que somam mais de R$ 340 milhões.

Entre as principais, estão a duplicação da Rodovia Romildo Prado (SP-063) entre o km 0 e o km 2,3, com implantação de um novo viaduto no km 2 (investimento de R$ 47,4 milhões); a duplicação da SP-147 entre Limeira e Engenheiro Coelho, do km 88,7 ao km 104,6 (R$ 81,1 milhões).

Além disso, foram entregues a duplicação da SP-332 entre o km 175,3 e o km 180,1, com restauração e implantação de retorno em desnível em Conchal (R$ 30,8 milhões); a ampliação e modernização do trevo de entroncamento entre a SP-113 e a SP-101 em Rafard, com duplicações de trechos das duas rodovias (R$ 7,7 milhões); e a implantação de terceira faixa na SP-215 entre o km 62,8 e o km 65,3, em Casa Branca (R$ 3,7 milhões).

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui