MENOS MORTES: De acordo com levantamento do Infosiga, as rodovias paulistas tiveram redução de 18% nos acidentes com mortes, entre janeiro e setembro de 2020. Na foto, acidente na SP-270, com três mortes.

De acordo com dados do Infosiga, este é o menor número de óbitos nas rodovias desde 2015

As mortes em acidentes de trânsito ocorridas em rodovias paulistas apresentaram redução de 18% no período de janeiro a setembro deste ano na comparação ao mesmo período do ano passado, o que representa mais de 300 vidas poupadas, de acordo com dados do InfosigaSP.

Ainda segundo o levantamento, este é o menor número de óbitos nas estradas apresentado desde 2015, quando foi iniciada a série histórica do Programa Respeito à Vida, do Governo de São Paulo.

De acordo com a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), nos 10,8 mil quilômetros de rodovias concedidas, foram registradas 775 mortes nos nove primeiros meses do ano, diante de 946 no mesmo período de 2019.

Rodovias que “perdoam”

Ainda de acordo com a Agência, os contratos de concessão de São Paulo preveem medidas efetivas por parte das empresas que assumem o respectivo trecho viário, que incluem gestão de segurança viária, com análises, diagnósticos e propostas que possam solucionar os problemas identificados.

De acordo com a Artesp, atualmente, o governo paulista trabalha-se com o conceito de rodovias que “perdoam”, ou seja, os projetos e serviços rodoviários implantados têm que possuir padrão que preveem erros e, caso ocorram, não ocasionem perdas de vidas.

DER

Já na malha viária do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), foram 1.351 ocorrências com mortes de janeiro a setembro, frente às 1.653 do mesmo período de 2019.

Prevenção

No início do ano passado, a Secretaria de Logística e Transportes e a Secretaria de Segurança Pública adotaram ações operacionais conjuntas com DER, Artesp, concessionárias e Polícia Militar Rodoviária (PMRv), no sentido de garantir mais segurança nas estradas paulistas.

De acordo com o governo de SP, nesse contexto, há a fiscalização por drones, que proporcionou ação de medidas operacionais que garantissem melhora na sinalização, reforço de efetivo, compra de novos equipamentos e mais segurança aos usuários das rodovias.

Concomitante a isso, as rodovias concedidas e as do DER contam com monitoramento 24h, além de equipes de socorro preparadas para um rápido atendimento, seja clínico ou para outro tipo de assistência.

Estudo da Artesp

Segundo levantamento da Artesp aponta que, em média, há um profissional pronto para ajudar a cada 3,6 quilômetros de rodovia concedida. Além disso, são realizadas diversas campanhas educativas com o objetivo de aumentar a segurança nas estradas, tanto para motoristas quanto para pedestres. Mensagens de alertas e de conscientização são veiculadas nos 392 painéis eletrônicos distribuídos em pontos estratégicos pela malha rodoviária concedida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui