TRAGÉDIA: As vítimas do acidente na ponte sobre o rio Tocantins, em Porto Nacional, foram identificadas como Carolina Pereira de Oliveira e a filha dela, Nycole Oliveira de Souza, 3 anos. A Polícia Militar informou que as duas estavam na festa de aniversário de Carolina e que saíram do local para levar a mãe dela em casa. Foto: Divulgação/Bombeiros

De acordo com a Polícia Militar (PM), vítimas foram identificadas como Carolina Pereira de Oliveira, 27, e a filha dela, Nycole Oliveira de Souza, 3 anos

As vítimas do acidente (sinistro) na ponte sobre o Rio Tocantins, em Porto Nacional (TO), foram identificadas como Carolina Pereira de Oliveira, que completaria 27 anos nesta segunda-feira (17) e a filha dela, Nycole Oliveira de Souza, de 3 anos.

De acordo com a Polícia Militar (PM), as duas estavam na festa de aniversário de Carolina e que saíram do local para levar a mãe dela em casa.

Ainda de acordo com a PM, o sinistro ocorreu depois que a avó de Nycole já tinha sido deixada em casa. Mãe e filha moravam no distrito de Pinheirópolis e, por isso, precisavam atravessar a ponte. O carro delas acabou caindo dentro do rio. As causas da queda são desconhecidas.

Segundo osd policiais, o marido de Carolina procurou a Corporação para informar sobre o desaparecimento e durante as buscas acabou vendo o carro dentro do rio. Os Bombeiros foram ao local e enviaram um mergulhador, mas mãe e filha já estavam mortas. O veículo foi resgatado com a ajuda de reboque da balsa que faz a travessia do rio com veículos pesados, já que a ponte no local suporta apenas carros de passeio. Uma perícia também foi chamada ao local.

TRISTEZA: Mãe e filha acabaram morrendo no sinistro de trânsito. Foto: Arquivo pessoal

Os corpos foram levados para o Instituto Médico-Legal (MIL) de Porto Nacional. O carro ficou bastante danificado, com amassados por toda a lataria, por isso ainda não é possível dizer se Carolina bateu sozinha na lateral da ponte ou se ouve outro veículo envolvido. Uma investigação sobre o caso foi aberta. A pequena Nycole completaria 4 anos neste sábado (22).

Com informações do G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui