TOMBAMENTO: Uma pessoa morreu e outras 40 ficaram feridas em tombamento de um ônibus na Estrada Vicinal Julio Lorenzetti, em Lençóis Paulista (SP). Fotos: Gabriela Prado

De acordo com os Bombeiros, veículo transportava 41 pessoas; além da vítima fatal, outro passageiro ficou gravemente ferido. Motorista deixou o local antes da chegada do socorro e da PMRv. Estradas apurou que ônibus estaria irregular, sem a verificação obrigatória do tacógrafo.

Um acidente (sinistro) na Estrada Vicinal Juliano Lorenzetti (LEP-60), em Lençóis Paulista (SP), na manhã dessa segunda-feira (4), envolvendo um ônibus, placas Mercosul KRR0I08, com funcionários de uma empresa de celulose, provocou a morte de um passageiro e ferimentos em outros 40, sendo um em estado grave, de acordo com o Corpo de Bombeiros (CB).

Ainda de acordo com o CB, o veículo transportava 41 pessoas. Os feridos levados para Unidade de Pronto-atendimento de Lençóis Paulista. Após o tombamento, o coletivo ficou no acostamento e o local foi sinalizado. A estrada não foi interditada. O motorista do veículo vadiu-se do local, antes da chegada do socorro e da polícia. Ele se apresentou nesta terça-feira (5) à polícia e prestou depoimento. A polícia investigará se ele retirou o disco do cronotacógrafo do veículo após o sinistro.

Segundo a PMRv, o local não tem placa de velocidade, mas por ser uma rotatória é de cerca de 40 km/h. A perícia vai analisar o tacógrafo para ver qual velocidade o ônibus estava. Entretanto, informações obtidas pelo Estradas.com.br indicam que o veículo estaria irregular, sem a verificação obrigatória do cronotacógrafo. O que pode comprometer a perícia.

De acordo com o motorista à polícia, ele saiu do local por medo de ser agredido. Ele disse também que alguns passageiros começaram a ficar agressivos com ele. Segundo ele, houve falha nos freios, por isso, perdeu o controle do ônibus na curva.

O ônibus saiu de Bauru, onde os trabalhadores que são de uma empresa terceirizada estão hospedados para levá-los até a Bracell, onde eles prestam serviço em um dos projetos da multinacional.

A empresa informou ainda que funcionários auxiliaram no socorro das vítimas e que foram realizados 40 atendimentos, entre vítimas leves, moderadas e um grave.

Segundo a empresa, está sendo oferecido todo suporte necessário aos envolvidos, além de colaborar com a investigação.

Além da vítima fatal, que tinha 47 anos, outros 40 passageiros foram socorridos com ferimentos e levados para Unidade de Pronto-atendimento de Lençóis Paulista. Um deles, de 23 anos, teve ferimentos graves e deve ser transferido para Bauru (SP).

FUNCIONÁRIOS: Ônibus, com 41 passageiros, fazia o trajeto Bauru até o km 4 da LEP-060, em Lençóis Paulista, quando tombou na estrada.

Empresa Scatur

O representante da empresa de ônibus Scatur, responsável pelo transporte dos funcionários e que tem sede em Tietê (SP), Anderson Scatena, disse que lamenta o ocorrido e que a empresa está prestando toda assistência às vítimas.

Segundo Scatena, em breve deverá sair os laudos periciais da polícia sobre o que ocorreu. Além disso, reforçou que tanto o veículo quanto o motorista estavam com as documentações em ordem.

O Estradas apurou que o veículo, placas KRR0I08, não tem nenhuma verificação do cronotacógrafo. Diante disso, está irregular e não poderia estar em circulação.

Com informações do portal G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui