LIVRE DE TAXAS: Banco C6 lança serviço de cobrança automático em pedágios sem cobrar taxas de serviço nem de recarga. Foto: Divulgação

Banco C6 digital entra na disputa com serviço livre de taxas de administração e de recarga

Mais um banco entra na disputa pelos usuários que pagam as tarifas de pedágio por meio automático. Desta vez, o banco digital C6 Bank lançou na última semana, em fase de testes, um sistema de adesivos de reconhecimento eletrônico para pagamento automático nas cabines de pedágios.

Para os motoristas que utilizam esse serviço, o lançamento de mais um produto amplia a concorrência no setor, que atualmente é liderada pela empresa Sem Parar, que trava acirrada disputa após a entrada do Itaú, que controla a ConectCar junto ao Grupo Ultra, e a Alelo (joint venture de Bradesco e Banco do Brasil), dona da Veloe.

Sem taxas

O C6 Bank não irá cobrar taxas dos usuários, nem mensais nem de recarga. O valor de cada passagem pelas cabinas será debitado diretamente na conta do cliente. De acordo com o mercado, atualmente, existem cerca de 5,5 milhões de tags em automóveis, sendo que cinco milhões são clientes do sistema Sem Parar. Só no primeiro trimestre de 2019 o lucro foi de R$ 340 milhões. A ideia do C6 é atrair os motoristas que ainda não usam o serviço.

Fundado por ex-executivos do BTG Pactual, o C6 Bank optou por não cobrar taxas do cliente, já que a tag seria igual a um cartão de débito. O modelo se sustentaria por meio das transações financeiras. Já a Veloe não cobrará mensalidade (de cerca de R$ 20) por um ano e meio. A meta da empresa é remover a barreira de preço para atrair novos clientes.

Mas, os entraves para tornar o modelo sem mensalidades ou taxas são muitos. Nos pedágios, a concessionária não paga para a dona das tags, como acontece com o lojista que usa uma maquininha, por exemplo. Também não é possível repassar ao cliente uma tarifa mais alta, embutida no pedágio, para compensar a ausência dessa receita. Por isso, a maioria das empresas opta pela mensalidade e taxa de adesão.

Há também um outro agravante, que é o acesso aos estacionamentos de shoppings, cujas antenas são controladas pelas empresas Sem Parar e ConectCar. A questão virou processo no Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), no qual a Veloe se queixa de custos exorbitantes. A Veloe optou por cobrar um valor a mais pelo serviço. O sistema do C6 não funciona nos shoppings, por enquanto.

Investimento

O investimento inicial do C6 Bank chegou a R$ 500 milhões. O banco digital já começou a liberar, em maio, contas para os primeiros clientes, chamados de “beta testers”. Os usuários inscritos já têm acesso à conta-corrente, ao cartão de crédito e a outros serviços antes do lançamento ao público em geral, que deve acontecer nos próximos meses deste ano.

9 COMENTÁRIOS

  1. boa noite por favor gostaria se saber uma informação eu tirar uma,duvida hoje por volta 15:50 eu passei pelo pegagio eletronico via anchieta riacho grande e não tinha ninguem, na cabine de cobrança passei e abriu as cancelas eu queria parar pra verificar se tinha que pagar mais como tinhas demais veiculos atrás ai seguir em frente tiver que pagar o pedagio como eu faço.

  2. boa noite por favor gostaria se saber uma informação eu quero tirar uma,duvida hoje por volta 15:50 eu passei pelo pedagio eletronico via anchieta riacho grande e não tinha ninguem, na cabine de cobrança passei e abriu as cancelas eu queria parar pra verificar se tinha que pagar mais como tinhas demais veiculos atrás ai seguir em frente se tiver que pagar o pedagio como eu faço.

    • Leandro, bom dia!
      Pelo que entendemos, seu veículo possui o tag para pagamento automático, é isso? Porque as cancelas da cabines automáticas só abrem se o veículo dispuser de tag (aparelho eletrônico para pagamento eletrônico). As ‘cabines automáticas’ não contam com a presença de funcionários da concessionária, uma vez que o sistema é automático.
      Agora, se o seu veículo não dispõe de tag e, mesmo assim, a cancela foi aberta quando da aproximação de seu veículo, sugerimos que o senhor entre em contato com a Ecovias, concessionária responsável pela administração do Sistema Anchieta/Imigrantes.

  3. Bom Dia! Gostaria de saber se os pedágios da BR 101, nos estados do Espirito Santo, e Rio de Janeiro, aceitam o TAG do C6?

    • Prezado, Bruno! Boa tarde!

      Informamos que, conforme informações obtidas junto à empresa C6, todas as praças de pedágio na BR-101, no ES e no RJ aceitam o pagamento automático por meio do Taggy C6 Bank.

      Obrigado por nos prestigiar.

      Equipe do Estradas.com.br

  4. Ainda 03/01/2020 ainda pegadios da via Anchienta sentido liroral não aceitam o Veloe. Ao passar a cancela nao abriu e fui cobrado manualmente. Lamentável e sinto vergonha quando uma cancela não abre.

    • Prezado Jeova Santos,

      Entendemos seu constrangimento. Para que isso não ocorra novamente, sugerimos que – antes de pegar a estrada – verifique com a concessionária ou órgão responsável pela rodovia quais são as empresas credenciadas para o pagamento automático nas praças de pedágio em questão.

      Atenciosamente,
      Equipe Estradas

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui