Quase 668 mil veículos passaram pelas duas praças de pedágio do município, no mês de outubro. Destes, 475 mil trafegaram pelo trecho entre Araguari e Uberlândia, denominado como “Rodovia Raul Belém” – a mais movimentada da BR-050 no referido período.

São seis pedágios ao longo da rodovia, dois no estado de Goiás (km 143 – Ipameri e km 226 – Campo Alegre) e quatro em Minas Gerais (km 13 e km 51 – Araguari, km 104 – Uberaba e km 190 – Delta).

No fluxo de veículos de passeio, a praça 4 (Araguari-Uberlândia) superou Delta, na divisa com o estado de São Paulo, e Uberaba. Mais de 326 mil circularam por aqui em outubro, 68 mil a mais do que no município de Delta – segundo maior movimento.

No quesito tráfego de caminhões, a praça 5 (Uberaba) ficou em primeiro lugar no mês (157.304), seguida por Delta (137.631) e Araguari (127.043, na praça 4, 86.809 na praça 3).

Os números da concessionária que administra a BR-050 apontam crescimento do tráfego no último mês do ano e no mês seguinte. Em dezembro de 2017, quase 700 mil veículos passaram pelo município, sendo meio milhão de carros de passeio. Em janeiro de 2018, foram apurados 661 mil veículos no trecho de Araguari da BR-050.

SERVIÇO DISPONÍVEL

As equipes e viaturas do Serviço de Atendimento ao Usuário estão de prontidão nas 24 horas do dia em nove bases operacionais e de atendimento ao usuário – implantadas pela concessionária em pontos estratégicos da rodovia.

As equipes são acionadas por sistema de rádio pelo CCO – Centro de Controle Operacional e se deslocam para atender rapidamente os usuários em situação de emergência no trecho sob concessão da BR-050.

Nos SAUs, os motoristas têm à sua disposição sanitários masculino, feminino e para portadores de deficiência física, fraldário, água, telefone público, estacionamento, livro de manifestações (para registro de sugestões, reclamações, elogios, etc.).

Além disso, há o totem de autoatendimento, com acesso ao site da concessionária, contendo informações úteis como mapa do trecho, e contato online com o Centro de Controle Operacional da concessionária.

Fonte: Jornal Gazeta do Triângulo

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui