RECORDE NACIONAL QUEBRADO: O PRF Rogers Debiasi, lotado na 1ª Delegacia de Santa Catarina, participou da quebra de recorde nacional de salta com paraquedas em Boituva (SP), na sexta-feira (21). Fotos: Divulgação

Rogers Debiasi saltou com outros 60 paraquedistas, que quebraram o recorde nacional de saltos na categoria FQl Sequencial

Um grupo de 61 paraquedistas brasileiros quebrou mais um recorde nacional de saltos na categoria FQL Sequencial, na última sexta-feira (21), no Centro Nacional de Paraquedismo, em Boituva, interior de São Paulo.

A prova consistiu em saltos com dois pontos – Formação em Queda Livre – onde os paraquedistas formaram duas figuras. Durante os exercícios foram utilizadas cinco aeronaves, que se mantiveram a uma altura de 18.000 pés, sendo necessário a utilização de um sistema de oxigênio complementar para os atletas.

O recorde anterior era de 2017, quando 54 paraquedistas fizeram o salto e o PRF Rogers Debiasi também participou na ocasião.

VETERANO NO AR: O policial rodoviário federal Rogers Debiasi já sentiu esse gostinho de vitória quando esteve na quebra do último recorde nacional, em 2017. “Uma sensação incrível”, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui