PRF e Polícia Militar Rodoviária de SP unidas no combate à violência nas estradas. Foto: Divulgação/PRF

Após uma série de ataques promovidos por criminosos em Fortaleza (CE) e Região Metropolitana, o ministro da Justiça Sérgio Moro determinou o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) naquele estado do Nordeste. Foram deslocados para o Ceará aproximadamente 70 policiais, para apoiar o efetivo local, que contam também com o apoio de duas aeronaves da Divisão de Operações Aéreas (DOA).

Os policiais rodoviários federais, incluindo aqueles lotados atualmente na área administrativa, estão atuando no combate ao crime nas principais rodovias federais da Grande Fortaleza. A onda de ataques teve início no último dia 2 de janeiro e já chega ao seu 10º dia. Foram registrados 190 ações criminosas em todo o estado; em destaque para a promoção de incêndios em ônibus que fazem parte do sistema de transporte público e a explosão de viadutos. Um deles foi um viaduto localizado na BR-020, no município de Caucaia.

Um helicóptero, na configuração de patrulhamento e apoio policial, além de um avião para transporte de tropas, estão sendo empregados nas ações desenvolvidas pela PRF. O helicóptero auxilia também nas missões de levantamento de pontos vulneráveis ao cometimento de crimes e, também, nas possíveis buscas e captura de criminosos.

Os efeitos das presenças do reforço da PRF, assim como também o da Força Nacional, já foram percebidos nas primeiras 24 horas de operações, quando o número de ataques promovidos pelos grupos criminosos diminuiu. Os trabalhos da PRF, contando com as equipes de reforço, serão mantidos pelo tempo que o Ministério da Justiça considerar necessário.

Reforço em São Paulo – O estado de São Paulo também está recebendo o apoio da PRF para o combate à violência. O reforço tem como objetivo compor a “Operação Rodovia Mais Segura”, desencadeada pela Polícia Militar Rodoviária (PMRv).

A PMR está atuando hoje em todo o estado, em pontos de rodovia que ligam as fronteiras nacionais ao estado de São Paulo. Na Régis Bittencourt (BR-116), uma das mais importantes vias do estado, a PRF opera em conjunto com os policiais militares visando coibir a criminalidade local e os ilícitos que possam vir a entrar no estado paulista vindos das fronteiras ao sul do Brasil.

Cerca de 80 policiais de ambas as corporações trabalham em conjunto na Região Metropolitana de São Paulo. A PRF conta com o apoio de policiais deslocados de outros estados do país para esta operação.

Durante a ação realizada próximo ao pedágio de Itapecerica da Serra, agentes da PRF flagraram o transporte de quase 81 mil reais, além de 216 dólares, escondidos em um compartimento secreto no painel do veículo, um Renault Sandro com placas de Belo Horizonte.

Os ocupantes do veículo foram encaminhados para a polícia judiciária para que seja averiguada a origem do dinheiro, não estando descartado o possível envolvimento com atividades ilícitas ou crime organizado.

Fonte: Agência PRF

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui