FLAGRANTE: PRF do MS flagrou quadrilha que roubava veículos de locadoras. Suspeitos foram presos e quatro veículos recuperados. Foto: Divulgação

De acordo com a Corporação, suspeitos foram presos quando tentavam atravessar fronteira

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), em ações da Operação Tupã, recuperou nesta sexta-feira (1º/5) e sábado (2) na região de Corumbá (MS) quatro veículos de locadoras. A quadrilha foi presa quando tentava chegar na fronteira com a Bolívia.

De acordo com a PRF, o primeiro automóvel recuperado foi uma GM S10, placas de Belo Horizonte (MG). A equipe realizava buscas no perímetro urbano de Corumbá (MS), após receber informações de que a caminhonete, que havia sido furtada em Campo Grande (MS) na quinta-feira (30), estaria na região.

Ainda de acordo com a PRF, os agentes encontraram a GM S10 abandonada. Buscas foram feitas, porém nenhum suspeito foi localizado.

Já no sábado, os agentes fiscalizam na Unidade Operacional da PRF em Miranda (MS), quando deram ordem de parada a um GM Prisma, placas de Belo Horizonte (MG). O motorista, de 31 anos, estava acompanhado de um outro homem, de 34.

Em checagem aos documentos do veículo, os agentes averiguaram pendência de devolução. Consultando os sistemas, foi verificado que o Prisma possuía um boletim de ocorrência por furto, sendo de propriedade de uma locadora de automóveis.

De acordo com a PRF, na sequência, um Jeep Compass com placas também de Belo Horizonte (MG) foi abordado. O motorista, de 36 anos, sem posse do contrato de locação, disse ter pego o veículo em São Paulo (SP). Em consulta aos sistemas, também foi verificada ocorrência de furto, sendo o automóvel de propriedade da mesma locadora. Por fim, os envolvidos confessaram estar seguindo viagem juntos.

Diante das ocorrências, os presos e os veículos recuperados foram encaminhados à Polícia Civil em Miranda (MS). No decorrer das atividades policiais, a equipe da PRF em Corumbá (MS) abordou um Toyota Corolla com placas de Belo Horizonte (MG), também de propriedade da empresa de aluguel de automóveis.

O motorista, de 38 anos, mostrou-se nervoso durante a entrevista policial. Questionado sobre a procedência do veículo, o homem confessou ter sido contratado pelo condutor do Compass para transportar o automóvel até a fronteira. Ele foi encaminhado, juntamente com o veículo, para a Polícia Civil em Corumbá (MS).

Fonte: PRF

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui