Houve queda de 75% no número de feridos em comparação com o ano anterior, e apenas uma morte foi registrada durante o período da operação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), encerrou em todo País, a Operação Finados de 2018, que começou às 00h00 da quinta-feira (1º11) e encerrou às 24 horas deste domingo (4). Nas rodovias federais da Paraíba foi registrado, nos quatro dias do feriadão, um total de seis acidentes que resultaram em cinco pessoas feridas e uma morte.

Dados preliminares indicam que, entre os dias 1º e 4 de novembro, foram fiscalizados um total de 1.629 veículos e emitidos 745 autos de infração, a maioria por excesso de velocidade. Foram autuados ainda 14 condutores por dirigir sob efeito de álcool, e 63 por não usar o cinto de segurança. A PRF realizou 16 detenções de pessoas, recuperou um veículo roubado e recolheu 53 veículos, sendo dois por adulteração. Nove motoristas foram autuados por conduzirem crianças sem a cadeirinha para menores e outros 29 por ultrapassagens. 55 motociclistas foram multados por falta do capacete.

OCORRÊNCIAS RELEVANTES

Acidentes:

Na quinta feira(01), às 09h27, na BR-230, Km 28, em João Pessoa/PB, um veículo não identificado colidiu na lateral de uma motocicleta Honda/Pop 110i, deixando uma pessoa ferida.

Por volta das 14h30, da quinta-feira (01), também na BR-230, no Km 239.4, município de Juazeirinho/PB, uma caminhonete Ford/F350G Territorio4X4, com placa do município de Campina Grande/PB, tombou por conta de um defeito mecânico e deixou uma pessoa ferida.

Na sexta-feira(2), às 17h10, na BR-230, km 75.8, no município de Sobrado/PB, uma Pick-Up Fiat/Strada Working, atropelou e matou um pedestre. Levantamento preliminar aponta possível falta de atenção da vítima.

No sábado(3), às 16h30, na BR-230, Km 293.6, no município de Santa Luzia/PB, um veículo não identificado colidiu na traseira de uma motocicleta Honda/CG150 Fan Esdi. Segundo a PRF, a colisão ocorreu porque o motociclista, que acabou ferido, deixou de ir para o acostamento antes de convergir à esquerda.

No domingo (4), ás 16h45, na BR-230, km 8, uma motocicleta Honda/CG150 Fan Esdi, com placa do município de Cabedelo/PB, colidiu na traseira de um Veículo VW/Fox 1.0, com placa do município de João Pessoa/PB, deixando um ferido.

Veículo Recuperado:

Durante fiscalização de rotina no Km 140, da BR-104, por volta das 17 horas, foi abordado o veículo Fiat Strada de placas aparentes PCC-**02, conduzido por um homem de prenome Severino que apresentou CRLV (documento do veículo) com indícios de falsificação. Após uma verificação minuciosa dos elementos de identificação do veículo, cujo chassi apresentava indícios de adulteração, concluiu-se que o veículo original é o de placas PDC-**01, com registro de roubo no sistema SERPRO. Condutor, CRLV e veículo foram encaminhados à Polícia Federal de Campina Grande-PB, por uso de documento falso, receptação, adulteração de sinal identificador de veículo automotor.

Mandado de prisão:

No dia 3, às 17h45, durante fiscalização em frente a Unidade Operacional da PRF de Mata Redonda/PB, KM 107, da BR-101, em Alhandra/PB, foi abordado um veículo Chev/Spin. Solicitada a documentação do condutor e dos ocupantes, foi encontrado em desfavor de um dos passageiros identificado como Antônio, um mandado de prisão em aberto, expedido em 01/11/2018 pela 1ª Vara Criminal de João Pessoa/PB. Diante dos fatos, o condutor foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Alhandra/PB para cumprimento do mandado de prisão.

Uso De Documento Falso:

No sábado(3), às 09h30, na BR-230, km 183, no município de Pocinhos/PB, foi abordada a motocicleta YAMAHA/YS 150 FAZER, conduzida por um homem identificado como Gesiniel, que apresentou CRLV do veículo e CNH. Após consulta aos sistemas PRF, verificou-se que a CNH não existia no banco de dados do RENACH, portanto, tratava-se de possível falsificação. O condutor foi encaminhado à Delegacia da Polícia Federal, onde foi autuado em flagrante por falsificação de documento público.

Alcoolemia:
Na sexta-feira (2), por volta das 09:00 horas, uma equipe da PRF, deparou-se no km 152, da BR-230, no município de Campina Grande/PB, com um veículo VW Golf 1.6 Sport, de cor prata, realizando manobras perigosas, ultrapassando veículos pela direita e em velocidade incompatível com a segurança no local, pondo em risco a segurança das pessoas no local. Após a abordagem, verificou-se que o veículo era conduzido por um homem identificado como Ricardo, o qual, após aceitar submeter-se ao teste de alcoolemia, apresentou o resultado de 0.64 mg de álcool. Diante das informações obtidas, o condutor foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil (plantão em Campina Grande/PB), para ser autuado em flagrante por Conduzir veículo com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool – Embriaguez ao volante.

Ainda no dia 2, por volta das 19h45, no Km 38, da BR-101, no município de Mamanguape-PB, a equipe de plantão na Unidade Operacional de Mamanguape-PB, percebeu uma motocicleta vindo na contramão de direção no sentido de Natal-RN para João Pessoa-PB e deslocou para abordagem, momento em que o condutor tentou fugir pela via lateral à BR-101 e não atendeu ordem de parada. Após a abordagem, verificou-se tratar de uma motoneta Jonny 50 CC Série Especial, sem placa de identificação e cuja numeração do chassi apresentava sinais de adulteração, e era conduzida por um homem identificado como Adailton, o qual portava uma arma branca na cintura e aceitou realizar teste de etilômetro, tendo como resultado 1,05 mg/l, o que caracteriza crime de trânsito tipificado no art. 306 da Lei nº 9503/97, sendo dada voz de prisão ao infrator. Ao proceder-se a consulta do cidadão, verificou-se que havia em desfavor do mesmo, um Mandado de Prisão, expedido em 02/05/2018 pela 1ª Vara Mista de Guarabira-PB. O condutor da motoneta que também não possui CNH, não utilizava capacete e não apresentou documento do veículo. O condutor foi apresentado a Delegacia de Polícia Civil de Mamanguape/PB, para ser autuado em flagrante por embriaguez ao volante e cumprimento do mandado de prisão.

Já no sábado (3), por volta das 15h08, nas imediações do km 41, da BR-101, também no município de Mamanguape/PB, um Caminhão Volvo/Fh12 420 6x4t, cor vermelha e atrelado a um Semirreboque/Randon, conduzido por um homem identificado como Irenildo, passou em frente ao posto da Polícia Rodoviária Federal em velocidade superior à permitida em função da sinalização existente no local, placa de sinalização e cones na via. A equipe efetuou a abordagem ao veículo e constatou que o condutor apresentava sinais de embriaguez. Após submetido a exame de alcoolemia, constatou-se o teor de 0.62 miligramas de álcool e foi dada voz de prisão ao condutor, sendo encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Mamanguape/PB para ser autuado em flagrante por embriaguez ao volante.

Também no sábado (3), por volta dás 17h56, na Unidade Operacional de Farinha, localizada na BR-230, KM 183, no município de Pocinhos/PB, em uma fiscalização de rotina, foi dado ordem de parada ao veículo Fiat Uno, conduzido por um homem identificado como Silvano. Após as consultas da documentação, foi solicitado a realização de teste de etilômetro, quando foi constatado o resultado de 0,64 mg de álcool e foi dada voz de prisão, sendo encaminhado à Policia Civil do município de Esperança/PB para ser autuado em flagrante por embriaguez ao volante.

Durante o sábado (3), por volta das 18h45, no km 107, da BR-101, no município de Alhandra/PB, foi abordado após denúncia anônima à Central da PRF um veículo GM/ZAFIRA, conduzido por um homem identificado por Salmão, por suspeita de dirigir sob efeito de álcool. O condutor submeteu-se, espontaneamente ao exame de alcoolemia, no qual constatou-se o teor de 0.68 mg de álcool. Diante das informações obtidas, o envolvido foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Alhandra/PB, onde foi autuado por embriaguez ao volante.

A PRF dispõe do telefone nº 191 para informações, comunicação de acidentes e denúncias. A ligação é gratuita e atende 24 horas em todo País.

Fonte: www.prf.gov.br/agencia

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui