Motorista estava sob a mira de uma pistola com 2 meliantes na cabine do caminhão tanque

Na noite de segunda-feira (20), por volta das 23h, a equipe da PRF realizava fiscalização ostensiva na BR 060, km 29/DF, próximo ao Engenho das Lajes.

Um caminhão tanque, carregado de gasolina, parou antes da fiscalização e dois indivíduos desceram correndo da cabine do motorista em direção ao mato. Ao avistar tal situação os PRFs correram para verificar a situação.

Logo em seguida, um GM/Prisma, placa original de Goiás, parou na rodovia e outro carro colidiu em sua traseira. Mesmo batido na traseira, o veículo acelerou e fugiu do local. O prisma furou o pneu e foi abandonado dois quilômetros após.

Os PRFs, ao chegarem no caminhão tanque, verificaram que o motorista estava sequestrado na cabine, sem nenhuma lesão física, e que fora ameaçado com uma pistola.

O condutor do caminhão, de 37 anos, informou a equipe de policiais que foi rendido pelos indivíduos do prisma, na altura do OutLet de Alexânia, sentido Brasília. Eles deram dois tiros para o alto e logo depois do caminhão parar, dois meliantes subiram na cabine e o ameaçaram com uma pistola.

Os homens instalaram no caminhão o equipamento jammer, conhecido por “capetinha”, que faz a perda do sinal de localização do veículo. Os PRFs conseguiram localizar um homem de 28 anos, que admitiu ter participado do roubo. Contra ele já existia um mandado de prisão em aberto.

O meliante informou aos policiais que estaria esperando seu cunhado resgatá-lo em um Fiat/Palio vermelho. Os PRFs aguardaram o veículo passar e ao ser abordado pelos policiais, o carro fugiu da viatura em velocidade.

Pouco tempo depois, a condutora do Pálio parou e o passageiro correu para mato na beira da rodovia, não sendo possível visualizar.

A condutora, de 28 anos, disse que era namorada do cidadão que fugiu e irmã do que estava preso, e não sabia o porquê que foi buscar seu irmão na BR. Informou também que moram em Aparecida de Goiânia. A PRF prendeu o homem e a mulher e encaminharam para a 20 DP do Gama.

Fonte: www.prf.gov.br/agencia

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui