No dia do pedestre, 8 de agosto, Rodolfo Rizzotto, Coordenador do SOS Estradas, comenta o brutal atropelamento ocorrido em São Paulo há poucos dias em que um condutor, que já tinha matado um motoboy, voltou a matar novamente. Desta vez atropelando uma trabalhadora e deixando que morresse sem prestar socorro. É apenas mais um exemplo dramático que mostra a irresponsabilidade das autoridades que criam condições para que esses infratores contumazes matem e fiquem praticamente impunes.

Clique aqui e ouça o comentário:

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui