AUMENTOU: A PRF do RJ registrou aumento em mais de 30% nas apreensões de entorpecentes nas rodovias federais cariocas. Foto: Divulgação

As apreensões de entorpecentes realizadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) aumentaram mais de 30%. Os dados são referentes ao primeiro semestre de 2019, em um comparativo com o ano passado. As ocorrências aconteceram nas rodovias federais do Rio de Janeiro.

Em 2019, a PRF apreendeu mais de 12 toneladas de entorpecentes. A maior parte das drogas encontradas era maconha. Em um dos casos mais recentes, os policiais localizaram mais de quatro toneladas escondidas no meio de uma carga de telhas. O motorista confessou que trazia o caminhão carregado de maconha desde Ponta Porã (MS) até a capital fluminense. A droga seria distribuída em uma comunidade da Zona Norte do Rio.

Para tentar despistar a fiscalização, os traficantes escondem os entorpecentes em fundos falsos de veículos, cargas de caminhões, dentro de ônibus, além de outros locais. A PRF intensificou a utilização de cães farejadores, assim como o trabalho de inteligência, aliado à integração com as demais instituições policiais.

No primeiro semestre deste ano, foram apreendidas 11,7 toneladas de maconha; 632 quilos de cocaína; 52,8 quilos de crack; 12 quilos de haxixe; e 60 quilos de skunk. No mesmo período do ano anterior, a PRF apreendeu 8,7 toneladas de maconha; 371 quilos de cocaína; sete quilos de crack; e 11 quilos de haxixe. No total, houve um aumento de 33% nas apreensões de entorpecentes em 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui