TREVO: Desde o início das operações em 2017, a Entrevias já investiu R$ 540,2 milhões no trecho concedido. Na foto, o trevo no Km 361 da Via Anhanguera, próximo a Orlândia (SP). Fotos: Alberto Gonzaga

De acordo com a concessionária, investimentos ultrapassaram R$ 540 milhões; em 2019, empresa repassou R$ 22 milhões em ISS para 29 cidades

A concessionária Entrevias chegará ao terceiro ano de operação nesta segunda-feira (6), com  165.882  atendimentos prestados a usuários e R$ 540,2 milhões de investimentos em obras, serviços e tecnologia que fazem a diferença na experiência de usuários que se deslocam pelos 570 quilômetros de rodovias administrados pela empresa, ao longo de 30 municípios nas regiões de Marília e Ribeirão Preto, em São Paulo.

De acordo com a proposta econômica da companhia, os investimentos do terceiro ano foram representados principalmente por obras de duplicação. Para os 30 anos de concessão, até 2047, estão previstos R$ 3,9 bilhões de investimentos conforme o contrato de concessão com o Governo do Estado de São Paulo. Desse montante, a estimativa é que sejam alocados R$1 bilhão para obras de ampliação, R$1,9 bilhão na restauração de rodovias, R$ 615 milhões em equipamentos e sistemas, entre outros investimentos para melhorar a segurança e garantir um atendimento de alta qualidade aos usuários.

A rede wi-fi Entrevias S.O.S, lançada em agosto do ano passado, é um exemplo de inovação em atendimento, implantada em 100% do trecho da concessionária, com investimento de R$ 38 milhões.

A responsabilidade social e o bem-estar das comunidades lindeiras são compromissos também da companhia. Atenta às dificuldades impostas aos municípios pela pandemia do Coronavírus, a concessionária realizou em abril deste ano uma doação de R$ 2,5 milhões para dois hospitais de referência e abrangência, sendo R$ 1,5 milhão ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCRP-USP) e R$ 1 milhão para o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Marília (HCFAMEMA). Os valores ajudaram as instituições na compra de equipamentos de proteção individual (EPIs) e outros insumos usados na prevenção e combate à COVID-19. Duas ambulâncias também serão doadas e estão em preparação.

“A concessionária trabalha para oferecer mais segurança aos usuários de rodovias, além de ter um importante papel na economia com a geração de empregos e renda. A Entrevias entra no seu quarto ano de concessão focada em inovação e nas obras de ampliação da SP-333”, afirma Clara Ferraz, diretora-presidente da Entrevias. De julho de 2017 a maio de 2020, foram geradas 26.719 oportunidades de emprego a terceiros, considerando os dois trechos da concessão.

Ainda nas ações de responsabilidade social, a Entrevias levou orientações sobre segurança no trânsito para 1.287 crianças de 23 escolas em 18 cidades, entre 2017 e fevereiro de 2020, e atuou com 490 caminhoneiros e 150 motociclistas com as edições do Pit Stop Saúde, que levam prestação de serviço aos usuários de rodovia.

Repasse de ISS

Prefeituras de 29 municípios, na abrangência da Entrevias, receberam um total de R$ 38 milhões de ISS (Imposto sobre serviço), do início da operação em 2017 até março de 2020. O valor é referente ao recolhimento de tarifa de pedágio paga pelos usuários nas oito praças de pedágio administradas pela empresa, de acordo com alíquota estabelecida para cada uma e com base na extensão da rodovia em cada cidade. Somente em 2019, os 29 municípios receberam um repasse de R$ 22 milhões.

POSTO SAU:  Serviços do SAU atendem 24 horas do dia. Na foto, a base do Km 442+670, pista sul, da Via Anhanguera (SP-330), próximo a Igarapava (SP).

Atendimentos SAU

De julho de 2017 a maio de 2020 foram prestados 165.882 serviços de atendimento ao usuário, sendo 84.432 na região de Ribeirão Preto e 81.450 entre Marília e região. Entre as principais demandas figuram serviços de inspeção de tráfego, apoio de guincho, socorro mecânico e pré-hospitalar.

São ocorrências de diferentes naturezas que chegam por meio do 0800, totem de atendimento nas bases dos SAUs e wi-fi ao novo Centro de Controle Operacional (CCO) da empresa – espaço com 172 m², por onde é realizado o monitoramento das rodovias através de 380 câmeras de alta tecnologia.

Obras região de Ribeirão Preto

A empresa iniciou em abril de 2020 a construção de quatro marginais paralelas à Rodovia Atílio Balbo (SP-322), sendo três em Sertãozinho e uma delas no Anel Viário Sul de Ribeirão Preto (mais informações no infográfico).

Obras – região de Marília

No trecho Sul da concessão a Entrevias duplicou 8,6 quilômetros da rodovia Dona Leonor Mendes de Barros (SP-333) ainda no primeiro ano, em julho de 2018. Desde janeiro de 2020 executa outras duas obras de duplicação na SP-333 e um terceiro trecho terá início ainda neste mês de julho. O investimento total é de aproximadamente R$ 270,6 milhões (ver infográfico). No mês passado, também na Rodovia Dona Leonor Mendes de Barros, a empresa entregou uma passarela de pedestres no km 324,7 e, em 1º de julho, outra no km 326,6. Em agosto, a empresa entregará a terceira passarela no km 333,5.  O investimento total nos dispositivos de travessia é de R$ 4,7 milhões.

Sobre a Entrevias

A Entrevias Concessionária de Rodovias é responsável pela operação, manutenção e modernização do lote Rodovias do Centro-Oeste Paulista, com um total de 570 quilômetros de vias no eixo entre Florínea, na divisa com o Paraná, e Igarapava, na divisa com Minas Gerais. O contrato de concessão assinado com o governo do Estado de São Paulo – por meio da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), que fiscaliza os serviços – prevê investimentos de R$ 3,9 bilhões na restauração de rodovias, ampliação da malha viária e implantação de tecnologias e inovações que contribuem para prestação de serviços de alta qualidade aos usuários. Mais informações no site da empresa ou no 0800 3000 333.

Fonte: Assessoria de imprensa da Entrevias

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui