IMPRUDÊNCIA: O feriado de N.S. Aparecida 2020 tem um saldo de 75 mortes nas rodovias federais do Brasil, de acordo com a PRF. Além das mortes, há 1.165 pessoas que ficaram feridas em 973 acidentes registrados. Foto: Divulgação

Na quinta-feira (8) o SOS Estradas previu que 150 pessoas morreriam nas rodovias brasileiras durante o feriado da Padroeira. Estimou que dessas mortes, metade delas, portanto, 75 mortes ocorreriam nas rodovias federais.

Pois a Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou o balanço do período. Foram 973 acidentes com 75 mortos e 1.165 pessoas feridos entre 0h de sexta-feira (9) e 24 h de segunda-feira (12), de acordo com o balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na tarde desta terça-feira (13).

Demais estados confirmam previsão do SOS Estradas

Além de prever as 75 mortes em rodovias federais, o SOS Estradas estimou que deveriam ser registrados em torno de 1.600 acidentes e teríamos 1.600 feridos no somatório de rodovias federais e estaduais.

Nas rodovias federais foram 973 acidentes que somados aos registrados nas rodovias paulistas já atingem a impressionante marca de 1.706 acidentes. Sem contar os demais estados.

Nas rodovias estaduais do Paraná foram 8 mortos e 72 feridos, de um total de 62 acidentes com vítimas. Nas rodovias paulistas foram registrados 733 acidentes com total de 22 mortos e 470 feridos. Já a Polícia Rodoviária de Minas Gerais (PMRv) informou o balanço final na quarta-feira (14), que registrou 171 acidentes com 122 feridos e 16 mortes.

Na Bahia, foram 11 acidentes graves com 4 mortos e 8 feridos pelos dados disponibilizados até o momento. Em Santa Catarina, foram 73 acidentes com 1 morte no local e 53 feridos. Já no Mato Grosso do Sul, o balanço inicial indicou 8 acidentes graves com 2 mortes mas sem menção aos eventuais feridos.

Os estados de Goiás e do Ceará também divulgaram seus balanços. Nas rodovias estaduais goianas, foram 33 acidentes, sendo 26 com feridos e 7 com vítimas fatais, totalizando 8 mortes; já nas estradas do Ceará, foram 26 acidentes com 4 mortes.

Enquanto no Rio Grande do Sul, o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM) registrou 99 acidentes, com 85 feridos e 5 mortos, envolvendo 186 veículos.

As mortes registradas nas rodovias estaduais em São Paulo (22), Paraná (8), Bahia (4), Mato Grosso do Sul (2)  Santa Catarina (1), Minas Gerais (16), Ceará (4), Goiás (7) e Rio Grande do Sul (5), somadas às das federais já alcançam 144 e ainda faltam os dados de 17 estados, além do Distrito Federal.

Quanto aos feridos, apenas a soma dos 1.165 feridos em rodovias federais e os 470 feridos nas rodovias estaduais de São Paulo, contabiliza 1.635 feridos. Portanto, os números previstos pelo SOS Estradas de acidentes, mortos e feridos, não só foram confirmados como serão ainda maiores que o previsto.

Tão logo tenhamos os dados dos demais estados que disponibilizam essa informação, iremos informar nossos usuários.

 

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui