Nesta colisão, pelo menos quatro pessoas morreram.

O Coordenador do SOS Estradas, Rodolfo Rizzotto, lembra que o novo Governo precisa usar a redução dos acidentes como instrumento para reduzir custos da economia, saúde e previdência. Além do mais importante que é preservar vidas e diminuir o número de deficientes físicos em decorrência dos acidentes

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui