ALTA VELOCIDADE: Testemunhas disseram à PRF que veículo estava em alta velocidade quando se perdeu numa curva. Foto: Arcenio Correa/G1

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), condutor estava sozinho no carro quando, em alta velocidade, perdeu o controle e caiu numa pequena ribanceira

Um motorista dirigindo em alta velocidade na BR-365, em Uberlândia (MG) perdeu o controle do veículo e caiu em uma pequena ribanceira, na sequência o carro pegou fogo e ele morreu carbonizado, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Ainda de acordo com a PRF, o homem, de idade não informada, morreu no local, na manhã dessa sexta-feira (22 de janeiro).

Segundo os policiais, o motorista dirigia em alta velocidade quando perdeu o controle do veículo em uma curva. Ele estava sozinho no veículo.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu na altura do km 606, a cerca de 10 km da cidade. E, de acordo com relato de testemunhas relataram o carro estava, a aproximadamente, 200 Km/h no momento do acidente. O carro então patinou um pouco antes de uma curva e caiu numa vala.

O motorista foi arremessado para fora do veículo, mas ainda estava perto dele quando ocorreu o incêndio. Ele morreu no local antes que os bombeiros chegassem, porém não se sabe se a causa da morte foi o impacto ou o fogo que deixou o corpo carbonizado.

Durante o socorro, os militares também perceberam duas cadeirinhas de criança dentro do carro, porém não encontraram nenhuma criança.

Após encontrarem documentos pessoais da vítima eles conseguiram entrar em contato com a mãe das crianças, que informou que elas não estavam no carro.

A perícia da Polícia Civil compareceu no local para realizarem os trabalhos de praxe.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui