Justiça determinou que cerca de 150 moradores não precisam pagar a tarifa na SP-333 no trajeto entre suas casas e a cidade. Beneficiados devem comparecer ao Ganha-Tempo com os documentos necessários para o cadastro até o dia 6

A concessionária Entrevias, responsável pelo pedágio da Rodovia Dona Leonor Mendes de Barros, em Marília (SP), começou nesta quarta-feira (31) o cadastramento dos veículos de moradores que foram beneficiados judicialmente com a isenção da tarifa.

A medida foi tomada porque a construção das praças e a cobrança deixou muitos moradores da zona rural “ilhados”. Neste caso, eles teriam que pagar a tarifa apenas para ir até a cidade.

Inconformados com a situação, alguns moradores resolveram entrar na Justiça para pedir a isenção da taxa. Na quarta-feira (24) da semana passada, foram concedidas liminares para 149 pessoas.

De acordo com a concessionária, o usuário beneficiado deve ir até o Ganha-Tempo, em Marília, das 8h às 17h para fazer o cadastro até o dia 6 de novembro.

Além do comprovante de residência, é necessário apresentar documentos pessoais e também o documento do veículo. Vale lembrar que o cadastro só pode ser feito pelos moradores que entraram com a ação judicial.

Fonte: www.g1.com.br/sp/bauru-marilia

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui