CUIDADO ESPECIAL: Agentes da PRF, em Goiás, resgataram na tarde dessa segunda (8), no acostamento da BR-050, em Cumari, um filhote de macaco-prego, que foi atropelado na rodovia e estava machucado. Os policiais encaminharam o jovem primata à Secretaria de Meio Ambiente de Catalão (GO). Fotos: Divulgação/PRF/GO

De acordo com a Corporação, animal estava machucado quando foi socorrido pelos agentes; veículo não foi localizado (veja vídeo)

Um macaco-prego (Sapajus apella) vítima de atropelamento foi resgatado nessa segunda-feira (8), por uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-050, em Cumari, na região sudeste de Goiás.

De acordo com a Corporação, o animal foi encontrado pelos agentes que policiavam a rodovia no início da tarde. O suposto veículo que o atropelou não foi identificado. O animal estava no meio da pista, com a pata dianteira esquerda fraturada e bastante assustado. (veja o vídeo abaixo)

Ainda de acordo com a PRF, os policiais socorreram o primata e o encaminharam à Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Catalão (GO), deixando aos cuidados da equipe de biólogos, que dará o tratamento adequado para que ele possa retornar com segurança ao seu habitat natural.

Sobre a espécie

De acordo com o Centro Nacional de Primatas (CENP), órgão vinculado à Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) do Ministério da Saúde (MS), a grande flexibilidade comportamental e ecológica de Sapajus apella confere a espécie uma ampla capacidade de adaptação a diferentes tipos de ambientes.

Essa especie não é restrita a habitats primários e apresenta tolerância a alterações/perturbações no ambiente, frequentemente persistindo em florestas secundárias, pequenos fragmentos e em áreas sob pressão de caça.

Seu peso varia de 2,4 kg ate 4,5 kg. A pelagem é comprida e densa, com o tronco tendo uma coloração marrom escura, com as pares ventrais avermelhadas ou amareladas. Os membros, o topete e a cauda são pretos. Possuem dentes grandes e bem adaptados ao forrageio extrativo de difícil exploração, necessitando de uma maior habilidade para sua aquisição.

São os únicos macacos do Novo Mundo capazes de utilizar ferramentas disponíveis na natureza para facilitar a exploração de recursos, o que pode ser associado ao tamanho maior do cérebro, dentre todos os primatas do Novo Mundo. A estimativa de vida destes animais pode ultrapassar os 50 anos.

CUIDADOS: Ainda de acordo com a PRF, os policiais socorreram o primata e o encaminharam à Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Catalão (GO), deixando aos cuidados da equipe de biólogos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui