ACESSO RESTRITO: Três barreiras sanitárias foram montadas pelas prefeituras de Nova Friburgo e Cachoeiras de Macacu, no Rio de Janeiro, na Rodovia RJ- 116, entre Itaboraí e Macuco, na manhã desta sexta-feira (26). Fotos: Divulgação

De acordo com a concessionária Rota 116, medida visa controlar o acesso de ônibus de turismo e vans, além de veículos de turistas

Três barreiras sanitárias foram montadas pelas prefeituras de Nova Friburgo e Cachoeiras de Macacu, no Rio de Janeiro, na rodovia RJ- 116, entre Itaboraí e Macuco, na manhã desta sexta-feira (26).

De acordo com a concessionária Rota 116, o objetivo é controlar o acesso de ônibus de turismo e vans, além de veículos de turistas que seguem para as duas cidades sem comprovação de reserva em hotéis e pousadas locais.

Ainda de acordo com a empresa, o acesso a essas cidades, segundo decreto publicado pelas prefeituras, é permitido somente a veículos de entrega de mercadorias e produtos, além de moradores e veranistas que comprovadamente tenham residências e propriedades nas localidades que pertençam aos municípios.

Cachoeiras de Macacu

A barreira de Cachoeiras de Macacu está localizada no km 12, próximo à divisa com Itaboraí. Já as duas barreiras de Nova Friburgo, estão nos km 65, em Teodoro de Oliveira, na base da Polícia Militar Rodoviária (PMRv) e 91, em Furnas, próximo à praça de pedágio da RJ-116. As duas barreiras são controladas por servidores do município de Nova Friburgo.

PREVENÇÃO: Agentes da PMRv e funcionários das prefeitura de Cachoeiras do Macacu, Itaboraí e Nova Friburgo, no RJ, estão orientando usuários sobre as restrições nos dois municípios.

De acordo com a Rota 116, há oito Painéis de Mensagens Variáveis (PMVs) alertando sobre as barreiras sanitárias, além de um painelmóvel que foi colocado na base da PMRv, em Cachoeiras de Macacu.

Ainda de acordo com a concessionária, os motoristas devem redobrar a atenção nos locais próximos às barreiras e seguir todas as orientações dadas pelos agentes municipais. Mais informações no site da Rota 116 ou pelo 0800 2820 116.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui