FIBRA ÓTICA: A concessionária iniciou nesta quarta (8) a instalação de rede de fibra ótica em toda a malha sob sua administração num total de 514 quilômetros. Foto: Divulgação

De acordo com a Eixo SP, serviços serão executados de Bauru a Panorama e de Parapuã a Presidente Prudente

A concessionária Eixo SP iniciou nesta quarta-feira (8) a instalação da rede de fibra ótica na malha rodoviária do Centro-Oeste Paulista. Frentes de trabalho estarão mobilizadas para a execução do serviço, em uma extensão de 514 quilômetros, de Bauru até o extremo oeste paulista.

A rede de fibra ótica da Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP_294) totaliza uma extensão de 338 quilômetros, que vai de Bauru a Panorama. Na SP-284, de Assis a Martinópolis, serão mais de 103 quilômetros de cabeamento. Já na Assis Chateaubriand (SP-425), de Parapuã a Presidente Prudente, serão 75,9 quilômetros.

A rede de fibra ótica possibilita trafegar dados, imagens e vídeo em alta velocidade em toda a sua extensão e estabelecerá a conexão entre todas as ferramentas tecnológicas que a concessionária adotará nas 12 rodovias que administra, conforme o contrato de concessão. O corredor será monitorado 24h por dia por 1.025 câmeras que permitirão a identificação de intercorrências na rodovia para o acionamento do recurso operacional.

Ainda no pacote tecnológico da empresa, que demanda uma rede de fibra ótica, estão previstos mais de dois mil pontos de conexão wi-fi para o contato entre o usuário e o CCO – Centro de Controle Operacional e PMVs – Painéis de Mensagens Variáveis.

Além de indispensável para o funcionamento da estrutura de telecom dos SAUs – Serviço de Atendimento ao Usuário e praças de pedágio, a rede subsidiará também outros serviços que serão implementados no futuro como a pesagem em movimento de caminhões e dispositivos de sensor de tráfego.

Segurança

As intervenções ocorrerão diariamente, entre 7h e 21h. Neste período, as condições de tráfego serão alteradas em diversos pontos da SP-294, SP-284 e SP-425. Os locais estarão devidamente sinalizados e, em caso de chuva, os serviços serão reagendados.

Para a segurança do condutor, a recomendação é que reduzam a velocidade ao transitarem por trechos onde houver o estreitamento de pista para a execução dos trabalhos. E jamais parar na rodovia para observar a movimentação das máquinas, conduta que oferece risco de colisão traseira. Mais informações: www.eixosp.com.br.

Fonte: Assessoria de imprensa da Eixo SP

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui