Juíza deu prazo de 15 dias para a ANTT autorizar o início das obras no trecho entre Icém e Rio Preto

A juíza federal Solange Salgado concedeu liminar proposta pela Triunfo Transbrasiliana para que a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) autorize o início das obras de duplicação da BR-153 entre os municípios de Icém e Rio Preto. Decisão, da última segunda-feira, 15, dá um prazo de 15 dias para a agência autorizar a execução da projeto já aprovado.

“Defiro o pedido liminar (…) a fim de garantir a segurança dos usuários da Rodovia e restabelecer o nível de serviço contratual, mediante o concomitante reequilíbrio do Contrato de Concessão, por meio da revisão da tarifa de pedágio já aprovada pela ANTT e autorizada pelo Ministério da Fazenda”, escreveu a juíza.

Por meio da assessoria de imprensa, a Triunfo informou que a concessionária não tem previsão de quando as obras iniciariam, como também não tem informações sobre os reajustes das tarifas de pedágio para garantir a duplicação. O Diário ainda aguarda resposta da ANTT.

Fonte: www.diariodaregiao.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui