PASSEIO FATAL: Adolescente de 15 anos morre na BR-153, em Goiânia (GO), após o veículo em que estava ser colhido na traseira por um Mercedes-Benz C150, em alta velocidade. A jovem estava indo ao shopping. Fotos: Divulgação

De acordo com o médico do IML de Goiânia, homem que provocou o acidente estava com hálito etílico mas não embriagado

Um acidente na BR-153, em Goiânia (GO), na noite desse sábado (18), envolvendo uma SUV Hilux e um Mercedes-Benz, matou uma adolescente, de 15 anos, e deixou três pessoas feridas, sendo uma criança, de 6 anos, em estado grave, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Ainda de acordo com a PRF, o homem a jovem que morreu estava a caminho de um shopping na região do Jardim Goiás para passear a convite de uma família de vizinhos. Na Hilux SW4 em que ela estava, uma criança de 6 anos, filha do casal, foi arremessada para fora do automóvel e ficou gravemente ferida, sendo encaminhada a um hospital na região.

Conforme relato dos agentes, o casal também ficou ferido e foi levado pelo Corpo de Bombeiros ao hospital. O motorista de 35 anos, que pode ter causado o acidente, dirigia um automóvel Mercedes-Benz, de cor branca, e colidiu na traseira da Hilux, onde estava a família e a adolescente.

De acordo com a PRF, os agentes levaram o suspeito ao Instituto Médico Legal de Aparecida de Goiânia com sinais de embriaguez, após ele se recusar a fazer o teste do bafômetro. Entretanto, segundo o médico do IML, o homem estava com hálito etílico, mas não foi identificada a embriaguez.

Diante disso, ele não foi preso em flagrante e responderá em liberdade pelo crime de homicídio culposo contra a adolescente, segundo a delegada titular da Delegacia de Crimes de Trânsito (Dict) de Goiânia, Nilda Andrade.

Conforme relato de testemunhas à PRF, o motorista do Mercedes-Benz dirigia em alta velocidade e usava o farol alto para pressionar a saída de carros que estavam à sua frente.

A Polícia Civil faz perícia no local do acidente. O trecho ficou interditado por vários quilômetros no Jardim Goiás e Setor Leste Universitário e foi liberado por volta de 20h30.

ALTA VELOCIDADE: Testemunhas relataram à PRF que o motorista do Mercedes-Benz estava em alta velocidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui