CONCESSÃO: Governo do Mato Grosso do Sul assinou nesta quinta-feira (19) o primeiro contrato de concessão rodoviária no estado. Trata-se da MS-306, entre as cidade de Costa Rica, Chapadão do Sul e Cassilândia. Há previsão de três pedágios com tarifas de R$8,71, para carros de passeio (data-base de setembro de 2017). Foto: Edemir Rodrigues/Governo MS

De acordo com o governo do Estado, concessão irá beneficiar 66 mil habitantes da região e gerar mais de 2 mil empregos

O governo do Mato Grosso do Sul assinou nesta quinta-feira (19), o primeiro contrato de concessão de rodovias no estado com a concessionária Way 306. Trata-se da MS-306, no trecho entre as cidades de Costa Rica, Chapadão do Sul e Cassilândia, numa extensão total de 219,5 quilômetros.

De acordo com o governador Reinaldo Azambuja, a assinatura representa a garantia de melhorias na condição de tráfego e no conforto aos motoristas e usuários da MS-306, além de propiciar a redução de acidentes.

Para o diretor-presidente da Way 306, Paulo Nunes Lopes, a próxima etapa será a emissão do termo de arrolamento e transferência de bens. Em 5 de dezembro de 2019, o Consórcio Way  – liderado pela Bandeirantes Engenharia, com a participação das empresas TCL Tecnologia e Construções, Senpar, Torc Terraplanagem e GLP Brasil – venceu na B3, em São Paulo, o leilão da MS-306.

ECONOMIA: Governador Reinaldo Azambuja (centro) disse que concessão da MS-306 trará ao governo sul-mato-grossense economia de R$ 4 milhões ao ano. Foto: Chico Ribeiro

Polo comercial

Localizada num polo de integração comercial, entre os estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, São Paulo, Goiás e Minas Gerais, a MS 306 receberá investimentos de R$ 1,7 bilhão no período de 30 anos, conforme consta no edital de concessão.

A rodovia é também uma importante rota de escoamento de produção de açúcar, álcool, algodão, soja e milho.

De acordo com o governador Azambuja, a concessão da MS-306 vai beneficiar 66 mil habitantes, gerar mais de 2 mil empregos, ampliar a oportunidade de negócios na região, além de promover uma economia de R$ 4 milhões ao ano para o Estado.

Trecho concedido

Os trechos rodoviários que compõem a rodovia MS-306 são constituídos por 17 segmentos rodoviários, definidos no Sistema Rodoviário do Estado de Mato Grosso do Sul – SRE/2016. O trecho inicia-se no Km 0 + 0,00 na localidade denominada Placa de Mineiros e termina no km 218 + 100, no entroncamento com a BR-158 (A) em Cassilândia (MS).

Serviços oferecidos

A concessão da MS-306 vai proporcionar os seguintes serviços aos usuários: socorro mecânico, guinchos; atendimento médico, inspeção de tráfego, combate a incêndios, apreensão de animais, desobstrução de pista; além de três postos de atendimento ao usuário; o Centro de Controle de Operações (CCO), com atendimento 24 horas, oito painéis de mensagens, sistema de controle de velocidade com sete radares fixos, sistema móvel de pesagem de veículos, sistema de análise de tráfego e sistema de comunicação com os usuários.

Para saber mais sobre a operação, veja o Edital.

TRECHO: Trecho concedido de responsabilidade da Way-306, com os locais previstos dos pedágios e SAUs.

Pedágio

De acordo com o edital de concessão da MS-306, a tarifa básica de pedágio (TBP) prevista, considerando o respectivo Trecho de Cobertura de Pedágio (TCP), será de R$ 8,72* (data-base: setembro de 2017) para veículos de passeio:

P1- Costa Rica  – Km 39 – R$ 8,72

P2 – Chapadão do Sul – Km 102 – R$ 8,72

P3 – Cassilândia – Km 182 – R$ 8,72

(*) valores sem arredondamento contratual.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui