PRECAUÇÃO: Usuários da BR-163, no Mato Grosso, não terão suspensão em nenhum serviço prestado pela concessionária Rota do Oeste. Foto: Divulgação

De acordo com a Rota do Oeste, foi criado um comitê e adota medidas importantes para equipes na rodovia

Os usuários da BR-163, no Mato Grosso, não terão nenhuma suspensão no atendimento aos serviços oferecidos em todo o trecho sob concessão da Rota do Oeste, empresa responsável pela via.

De acordo com a concessionária, mesmo sob a atual situação pela qual o Brasil passa por conta da expansão do Coronavírus, serão mantidos em funcionamento todos os serviços ofertados ao longo dos 850,9 quilômetros da BR-163, como atendimentos médico, clínico, resgate, socorro mecânico, funcionamento das praças de pedágio,  disponibilização de informações por meio do 0800 065 0163, entre outros.

Ainda de acordo com a Rota do Oeste, para que os serviços seja prestados com segurança para funcionários e usuários, a empresa adotou um protocolo específico criado por um comitê, que segue as orientações e recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde.

Segundo a empresa, o grupo de trabalho mantém reuniões periódicas para avaliar o desenvolvimento da doença em Mato Grosso, no país e no mundo, sempre com foco na adoção de medidas que venham garantir a segurança e saúde de todos que trafegam e trabalham na BR-163.

O gerente de Operações da Rota do Oeste, Wilson Ferreira, esclarece que atualmente as equipes operacionais voltadas ao socorro mecânico estão orientadas a realizarem todos os procedimentos necessários, porém devem evitar contato físico com os motoristas, garantir uma distância de pelo menos um metro e conversar somente o necessário de forma que diminuam as chances de contato.

“Gostaríamos de esclarecer aos motoristas que a cordialidade dos nossos funcionários será mantida, mas infelizmente, neste momento, eles terão que se manter um pouco mais distantes, com menos contato pessoal como forma de prevenção e combate à doença. Qualquer dúvida sobre o atendimento, o usuário pode entrar em contato com a Rota pelo 0800 065 0163 para esclarecimentos”, explica o gerente.

Se existir a necessidade de transporte de motorista e passageiros, o serviço também será realizado normalmente na cabine auxiliar. Todos os veículos da empresa estão equipados com álcool em gel, que pode ser solicitado pelo usuário para higienização das mãos. Os funcionários também têm à disposição luvas, máscaras, óculos e produtos específicos para limpeza interna das viaturas.

Atendimento médico

As ambulâncias e profissionais voltados ao socorro médico e atendimento clínico também estão capacitados e seguem protocolos específicos para o serviço desempenhado. Vale lembrar, que as ambulâncias rotineiramente já passam por higienização ao final de cada atendimento e este cuidado passou a ser redobrado.

As equipes da BRVida também estão utilizando roupas especiais e equipamentos específicos, reforçando as medidas de segurança de saúde pessoal e de terceiros.

Praça de pedágio

Outro local de atenção das ações realizadas pela Rota do Oeste são as cabines de pedágio, onde os operadores passaram a utilizar cestas para recolher o dinheiro e entregar o troco aos motoristas. Os profissionais também receberam luvas, álcool em gel e papel toalha para substituir as flanelas que eram utilizadas para limpar o balcão. O ambiente está sendo higienizado quatro vezes ao dia.

Outras medidas

A diretoria da Rota do Oeste suspendeu todas as reuniões agendadas e os eventos marcados. O reagendamento ocorrerá tão logo a situação do país volte à normalidade. A empresa segue reafirmando o compromisso que tem com Mato Grosso e, principalmente, com as pessoas que passam pelo Estado.

Todos os funcionários da Concessionária estão sendo orientados sobre as medidas de prevenção e os integrantes pertencentes aos grupos de riscos estão cumprindo quarentena em casa, sempre com acompanhamento do comitê. O canal de comunicação interna da empresa segue à disposição para esclarecimento de dúvidas dos integrantes.

Fonte: Assessoria da Rota do Oeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui