APURAÇÃO: O Ministério Público Federal em Goiás (MGF-GO) abriu procedimento para apurar as medidas adotadas pela concessionária Triunfo Concebra, responsável pela BR-153 no estado, destinadas a manter a boa conservação da rodovia. Foto: Divulgação

Riscos de acidentes (sinistros) são maiores com a estação chuvosa e o aumento de tráfego nas estradas em razão das férias escolares. Triunfo Concebra, concessionária que administra rodovia, é alvo de procedimento que apura medidas para boa conservação da rodovia

O Ministério Público Federal em Goiás (MGF-GO) abriu procedimento para apurar as medidas adotadas pela concessionária Triunfo Concebra, responsável pela BR-153 no estado, destinadas a manter a boa conservação da rodovia.

Segundo o MPF, o objetivo é apurar as medidas adotadas para localizar e reparar as fraturas no pavimento asfáltico da rodovia, tendo em vista os riscos de sinistros agravados pela atual estação chuvosa e pelo aumento de tráfego nas estradas em razão das férias escolares.

Ainda de acordo com o MPF, foi instaurado uma Notícia de Fato (NF) para apuração das medidas adotadas pela concessionária para manter a rodovia federal em bom estado de conservação.

Como primeira medida, a procuradora da República Mariane Guimarães de Mello Oliveira, responsável pela apuração, oficiou ao diretor-presidente da Triunfo Concebra, Odenir José Sanches, para que informe quais as providências adotadas pela empresa para localizar e reparar eventuais danos no asfalto da BR-153, no trecho que corta o estado de Goiás.

Mariane Guimarães lembra que recentemente um grave sinistro envolvendo um ônibus, da Real Expresso, em Aparecida de Goiânia resultou na morte de seis pessoas, deixando, ainda, cerca de 40 feridos. De acordo com notícias divulgadas na imprensa, o veículo chocou-se contra um caminhão, próximo a uma cratera que se abriu na BR-153, caindo em seguida em uma ribanceira.

A Triunfo Concebra tem 15 dias para prestar as informações ao MPF. O prazo é contado a partir do recebimento do ofício.

Com informações da Ascom do MPF

18 COMENTÁRIOS

  1. Chefa ser PATÉTICO esses senhores, doutores, bons vivans. Então a BR 153 só se resume ao trecho privatizando ou sob concessão? quer dizer que o lado não concedido está bom e não morre ninguém nas ou pelas crateras abertas e abandonadas? Fala sério?! Nos esbofeteiam a casa ato….

    • Recentemente passei por essa rodovia. Infelizmente está péssima. Não consigo entender, como empresa dessas cobram por esse valores e está esse completo abandono. E toda concessão da Triunfo tem quer ser apurada. Goiás, Minas Gerais

    • Está BR só está o lixo cheia de buracos imperfeições o único lugar que o asfalto presta é na praça de pedágio onde o roubo acontece , e o DENIT não faz nada .

  2. É so eles andarem para ver a porcaria que é, totalmente sem manutenção. Cobram pedágio há mais de 10 anos e junca fizeram uma melhoria de pista.

  3. Tbm.tive prejuízo com um pneu e roda traseira de meu carro,por conta de uma cratera na BR 153,qdo vinha de goiatuba neste fim de ano,devido má conservação da BR.desprezada pela concessionária que só faz arrecadar.

  4. Antes da triunfo concebra era muito melhor pois eles fazem um remendo no asfalto que fica pior que o buracos.

  5. Agora que vão tomar iniciativas?
    É uma vergonha a BR 153 de norte a sul!
    No Paraná são Paulo Minas Gerais Goiás Tocantins!
    E aí?
    A cobrança de pedágio não para!

  6. Diariamente faço o trecho e entre Aparecida de Goiânia, e Brasília… 153/060 e o adjetivos são prejuízo, buracos e mortes.

    Isso diariamente… no dia w4 mesmo custei passar pelo o acidente no ônibus da Real Expresso.. e um dia antes disse a um amigo .. vão matar gente aqui nessa obra sem sinalização!

  7. A rodovia esta.péssima em.segurança.muitos buracos ao.longo.da rodovia.mal sinalizada e mal.conservada nos pedágios até para fazer.a.cobrança é demorada.emfim.esta um caos

  8. Sou carreteiro moro em Aparecida de Goiânia uma rodovia que dá nojo de andar essa BR153 principalmente no trecho que corta Goiás de Itumbiara até Goiânia trecho com pedágio e não vemos benfeitoria nenhuma dinheiro rasgado isso sem falar total abandono no trecho de Goiânia até Tocantins..

  9. É uma vergonha as condições da rodovia, trabalho com minha carreta e em vários trechos da rodovia preciso tráfegar pelo acostamento para diminuir o impacto devido às irregularidades da pista, triunfo só arrecadou com os Pedágio, não melhorou em nada por onde administram, nem serviço de tapa buraco sabem fazer, não sei o que é pior se os buracos ou as trepidações devido o excesso de produtos ao cobrir os buracos. E ninguém fiscaliza Lamentável.

  10. Viajo sempre por essa rodovia, e posso afirmar que nunca esteve em um estado tão deplorável desde sua duplicação, é uma vergonha o que essa concessionária está fazendo. Arrecada milhões por dia em vários pontos de pedágio e a manutenção é só o tapa buraco básico, sendo que isso já não resolve, pois o asfalto está todo irregular.

  11. Uma vergonha de ponta a ponta a 153.
    Vergonha maior no trecho de concessão Triunfo, Goiânia a Brasília nem parece uma rodovia que foi concedida.
    Os pedagios estão lá…..tem mato por todo lado, placas caídas, buracos…..
    E dezenas de Radar

    UMA VERGONHA

  12. Está BR só está o lixo cheia de buracos imperfeições o único lugar que o asfalto presta é na praça de pedágio onde o roubo acontece , e o DENIT não faz nada .

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui