EVITE VIAGENS: Campanha das concessionárias de rodovias no estado de SP pede aos motoristas que evitem viagens desnecessárias neste feriado de 1º de Maio, celebrado nesta sexta-feira. Foto: Aderlei de Souza

Frases reiterando a importância da quarentena são exibidas nos painéis de mensagens variáveis (PMVs) nas estradas

As 20 concessionárias paulistas que operam os 9,8 mil quilômetros de rodovias concedidas no Estado estão reforçando as mensagens aos motoristas para que evitem viajar no feriado prolongado do Dia do Trabalho, comemorado nesta sexta-feira (1º de maio).
De acordo com a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), desde o início da quarentena, as empresas têm exibido frases em seus painéis eletrônicos de mensagens sobre as formas de prevenção ao coronavírus, como orientações para lavar as mãos e evitar aglomerações.
Ainda de acordo com a Agência, nos fins de semana prolongados, comuns em feriados – como o da Semana Santa e Tiradentes – a importância do isolamento é ressaltada com novas frases.

Tráfego reduzido

Nas comemorações da Páscoa, entre os dias 10 e 12 de abril, o movimento nas rodovias paulistas sob concessão foi 66,56% menor do que no mesmo período do ano passado. E no feriado de Tiradentes a queda foi de 46,63% na comparação com o último fim de semana prolongado desse feriado, ocorrido em 2017. O resultado foi reflexo da orientação do Governo do Estado para que as pessoas fiquem em casa durante este período de quarentena. Com a redução do tráfego, também foi registrada queda no número de acidentes (redução de 61% na Páscoa e de 62% em Tiradentes) e de vítimas fatais (46% e 53%, respectivamente em cada uma das datas) nas rodovias sob concessão.

Dia do trabalho

Neste feriado de Dia do Trabalho, a partir desta quinta-feira (30), passaram a ser exibidas nos 388 painéis eletrônicos de mensagens distribuídos pela malha concedida as seguintes frases:
A quarentena foi prorrogada até 10 de maio. 
​​​Fique em casa!
Neste feriado, cuide da sua saúde e da sua família. 
Fique em casa!
Neste feriado, respeite a quarentena, fique em casa!
Neste feriado, se puder, não viaje. 
Siga a quarentena e fique em casa!
Previna-se contra o Coronavírus. 
Fique em casa! Respeito à Vida
EMERGÊNCIA: As concessionárias de rodovias paulistas recomendam aos usuários que evitem viajar neste feriado do Dia do Trabalho, comemorado nesta sexta-feira (1º de maio).

Serviços mantidos

Mesmo com a recomendação para se evitar as viagens durante a quarentena e com a redução do tráfego nas rodovias desde o início do isolamento, as 20 concessionárias de rodovias do Estado de São Paulo mantêm suas equipes a postos para a prestação de serviços essenciais aos usuários, como socorro mecânico, guincho e ambulância, além das equipes de monitoramento dos Centros de Controle Operacionais (CCOs) e da manutenção da malha, com serviços de conservação do pavimento e sinalização. E foram adotadas medidas para reforçar a higiene e reduzir o risco de contágio nas praças de pedágio e em outras edificações das concessionárias.

Atendimento aos caminhoneiros

Durante o período de combate ao coronavírus, as operadoras de rodovias do Estado de São Paulo ampliaram a atenção aos caminhoneiros, responsáveis por serviços essenciais e estratégicos durante o combate à COVID-19, como a manutenção do abastecimento aos mercados e o transporte de insumos médicos e hospitalares.
Segundo dados da Artesp, as concessionárias já distribuíram para os caminhoneiros 113.492 kits alimentação (marmitex, vales refeições ou kits lanches), 68.893 kits higiene (conjuntos com sabonete, álcool gel e outros produtos ou vale banho para serem utilizados nos postos de serviços das estradas).
O governo paulista suspendeu por 90 dias a pesagem dos caminhões nas rodovias estaduais – o que agiliza a circulação dos produtos e protege os profissionais ao evitar o contato entre motoristas e funcionários das balanças.
Diante disso, as concessionárias passaram a usar alguns dos postos de fiscalização como áreas de descanso para os caminhoneiros, ampliando esse atendimento. Outra medida anunciada a favor dos caminhoneiros, para garantir o funcionamento da malha rodoviária paulista e, consequentemente, todo o sistema de escoamento de produtos, foi a liberação do acesso de caminhões aos domingos à tarde na chegada à capital. Antes, esse acesso era restrito devido ao grande fluxo de veículos que retornam para São Paulo no final de semana.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui