QUASE TRAGÉDIA: A irresponsabilidade de um motorista de ônibus da empresa Satélite Norte, quase provocou uma tragédia na BR-153, no Tocantins, na tarde de sexta-feira (18). O condutor fez uma ultrapssagem prioibida e por pouco não colidiu de frente com um carro e uma carreta. Foto: Reprodução

O motorista de um ônibus interestadual, da empresa Satélite Norte, foi flagrado forçando ultrapassagem, em um trecho movimentado da BR-153 e por pouco não provocou um acidente. O registro foi feito na região sul do Tocantins, em Talismã, na divisa com o estado de Goiás, próximo aos trechos onde foram registrados graves acidentes nos últimos dias.

A produção da TV Anhanguera busca contato com a empresa de ônibus.

Nas imagens, um caminhoneiro mostra a manobra feita pelo condutor do transporte coletivo. O trecho, com faixa tracejada, indica que a ultrapassagem é permitida. No entanto, a rodovia estava com grande fluxo de veículos.

No momento, o ônibus tentou ultrapassar dois caminhões, mas percebeu que não dava tempo. O caminhoneiro, que registrou a cena e que seguia atrás, precisou frear para permitir que o ônibus voltasse para a faixa correta.

FLAGRANTE: O caminhoneiro que foi ultrapassado fez o registro da quase tragédia na BR-153.

“Aí mata a gente, olha a arrumação dele. Vou frear para não matar a gente”, diz o caminhoneiro durante as imagens. Ele preferiu não se identificar.

Segundos depois, as imagens mostram um carro de passeio trafegando na direção contrária. Por pouco, não acontece um acidente, segundo o caminhoneiro.

Acidentes graves

O flagrante foi registrado próximo a trechos onde ocorreram graves acidentes. Na última terça-feira (15), uma batida entre caminhões, um ônibus e uma caminhonete deixou quatro mortos e bloqueou a BR-153 em Porangatu, no norte do estado de Goiás.

José Lisboa Ramos Filho, de 63 anos, dirigia a caminhonete em que também estavam os netos Luara e Arthur Silva Lisboa Ramos, de 9 e 6 anos, respectivamente, e a esposa, Cristiane Rocha Nogueira, de 42. Todos morreram.

José Lisboa e Cristiane eram de Paraíso do Tocantins. Eles voltavam de Anápolis, onde tinham ido buscar os netos.

Nesta quinta-feira (17), outro acidente entre um carro e um ônibus deixou três pessoas mortas na BR-153, também em Porangatu, no norte de Goiás. O inspetor da PRF Newton Morais contou que as duas mulheres e o homem que morreram estavam no carro. Segundo ele, ninguém que viajava no ônibus se machucou.

Fonte: Portal G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui