Foto: Daniel Heinen/EGR

De acordo com a empresa, serviço funciona 24 horas do dia nas 12 praças de pedágio sob  sua administração

Garantir mais segurança aos usuários que trafegam pelas estradas no Rio Grande do Sul é o objetivo da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), que oferece gratuitamente o serviço de ambulâncias 24 horas nas 12 praças de pedágios, cobrindo mais de 759 quilômetros de rodovias.

Segundo dados da Transul Emergências Médicas, que presta serviço à EGR, no ano passado, foram registrados 1,7 mil chamados nas vias. O resgate e o socorro médico é realizado por meio de ambulâncias equipadas com um condutor socorrista e um enfermeiro, sempre amparados por uma regulação médica.

De acordo com a EGR, as bases ficam localizadas em pontos estratégicos das rodovias e contam com a parceria de outros grupamentos rodoviários que, além de auxiliar no atendimento, participam dos treinamentos e simulações.

A assistência conta com a expertise dos profissionais da Transul que, aliada ao constante aprimoramento técnico, faz uso de novas tecnologias e ambulâncias equipadas. Além disso, o serviço é reconhecido por um tempo-resposta rápido, pois a saída da base ocorre logo após a chamada, o que é fundamental para salvar vidas.

A enfermeira Cátia Albuquerque, da Transul, relata com emoção um parto realizado na rodovia. Segundo ela, a paciente estava grávida e sendo transferida a um hospital. No caminho, teve teve dilatações e a técnica que a acompanhava detectou que o bebê estava nascendo. “A ambulância parou próximo da base e me desloquei com o kit parto. Examinei a gestante e, na última contração, o bebê nasceu. Fiz a aspiração, cortei o cordão umbilical e coloquei oxigênio, pois tratava-se de um prematuro”, conta. Por fim, a ambulância da EGR conduziu a mãe e o bebê ao hospital mais próximo para atendimento. “Lembro com emoção que na chegada à instituição, o recém nascido abriu os olhinhos. Hoje ele tem três anos e a família é muito grata a toda a equipe da Transul.”

Em mais uma situação semelhante, a equipe de plantão da praça de pedágio de Coxilha, na ERS-135, realizou o parto de outro bebê. Segundo relato do enfermeiro Everton Figueiredo Jardim, a mãe chegou ao local solicitando ajuda da equipe, pois a bolsa havia estourado. O atendimento foi feito de imediato pelos socorristas, dentro de um veículo. Logo após o nascimento, o bebê foi estabilizado dentro da ambulância e ambos foram encaminhados para um hospital em Passo Fundo, para os procedimentos pós-parto.

No momento em que o resgate é acionado, a equipe médica é mobilizada e acompanha tudo da Central de Regulação Médica, inclusive com monitoramento das ambulâncias em tempo real. Além dessa cobertura, a EGR mantém convênio com bombeiros voluntários de vários municípios do Estado, bem como serviços de guinchos.

Para acionar as ambulâncias, basta ligar para a Central de Atendimento por meio do número 0800 0090 192.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui