Pra que lado eu vou? Novos aumentos nas tarifas de pedágio nas rodovias federais deixam muitos usuários com a pulga atrás da orelha. Por que eu tenho que pagar a conta que é obrigação das concessionárias. Foto: Divulgação

Declaração do ministro Tarcísio de Freitas se baseia em possível desequilíbrio econômico-financeiro de algumas concessões feitas no governo Lula

Um anúncio do governo federal feito nessa segunda-feira (11) gerou especulações no setor de Transportes. O possível aumento nas tarifas de pedágio de até 25% nas rodovias federais é fato? Mas, por que?

O Estradas procurou o Ministério da Infraestrutura e a Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT para saber qual a verdade nessas declarações.

A assessoria do ministro Tarcísio de Freitas disse que esse assunto deve ser conduzido pela ANTT. Já a ANTT, em sua resposta, por meio da assessoria de imprensa, declarou:

A Agência não comenta possíveis alterações tarifárias sem a análise do assunto pela diretoria colegiada da ANTT“.

Em suma, os usuários das rodovias federais ficarão, mais uma vez, sem saber, efetivamente, se as palavras do próprio ministro Tarcísio de Freitas, veiculadas em alguns jornais nesta terça-feira (12), têm fundamento e, o que é mais sério, se têm embasamento legal.

 

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui