PANE MECÂNICA: Os atendimentos a veículos com problemas mecânicos durante o feriado de NS Aparecida, entre os dias 8 e 12, aumentaram 10%, se comparados aos dias de movimento normais no trecho da BR-163, em Mato Grosso. Foto: Divulgação/Rota do Oeste

De acordo com o levantamento da concessionária Rota do Oeste, responsável pela BR-163, em Mato Grosso, 71% dos casos seguiram viagem após atendimento imediato

Os atendimentos a veículos com problemas mecânicos durante o feriado prolongado de Nossa Senhora Aparecida, entre os dias 8 e 12, aumentaram 10%, se comparados aos dias de movimento normais no trecho sob concessão da Rota do Oeste, responsável pela rodovia.

Segundo o balanço da empresa, os serviços são solicitados pelo 0800 da empresa, que mantém contato direto com o Centro de Controle Operacional (CCO), além de pedidos procedentes dos arrecadadores de pedágios.

Ainda de acordo com a Rota do Oeste, foram realizados 664 atendimentos relacionados a socorro mecânico nesse período. Destes, 71% dos motoristas puderam seguir viagem imediatamente após o primeiro atendimento do Serviço de Ajuda ao Usuário (SAU), ainda na rodovia. Os 29% restantes, também com pane mecânica, foram levados até pontos de apoio por guinchos oferecidos gratuitamente pela concessionária.

Líder em atendimento

Mesmo em períodos sem feriado, os problemas mecânicos lideram a maioria dos atendimentos nas rodovias. Porém, o índice registrado no ‘feriadão’ apresenta um aumento de 10% no número de panes mecânicas em relação aos dias usuais. Isso ocorre principalmente pela falta de revisão prévia do veículo.

Os dias de maior número de registro de panes mecânicas na BR-163 foram os dias de ‘ida’: sexta-feira (8) e sábado (9). Já o feriado, 12 de outubro (terça-feira), foi o dia com menor número de atendimentos registrados. 

Sinistros de trânsito

Segundo a concessinária, entre os acidentes (sinistros) registrados no fim de semana prolongado, 60% não deixaram feridos. Nas ocorrências com necessidade de atendimento médico, equipes de resgate realizaram os procedimentos de emergência e encaminharam as vítimas a unidades de saúde. Mais informações no site da empresa ou pelo 0800 065 0163.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui