SEGURANÇA: As equipes de segurança viária da concessionária RodoAnel estão entregando kits de higiene aos motociclistas durante ações educativas promovidas no trecho oeste do Rodoanel Mário Covas (SP-021). Os kits são compostos por flanela, álcool em gel, máscara, sabonete e porta-sabonete. Foto: Divulgação

De acordo com a concessionária, ação, em parceria com a PMRv, acontecerá em 13 pontos diferentes do trecho

As equipes de segurança viária da concessionária RodoAnel estão entregando kits de higiene aos motociclistas durante ações educativas promovidas no trecho oeste do Rodoanel Mário Covas (SP-021). Os kits são compostos por flanela, álcool em gel, máscara, sabonete e porta-sabonete.
De acordo com a empresa, neste mês, estão programadas 13 iniciativas em parceria com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) nos entroncamentos com as rodovias Castello Branco (SP_280), Raposo Tavares (SP-270), Bandeirantes (SP-3458) e Régis Bittencourt (BR-116), além da Avenida Raimundo Pereira de Magalhães, na capital paulista.
Ainda de acordo com a concessionária, além do importante alerta sobre a prevenção contra o coronavírus, os profissionais da concessionária chamam a atenção dos motociclistas sobre a prudência e responsabilidade no trânsito. As ações acontecem todas as quartas-feiras voltadas às motocicletas de baixa cilindrada. Aos sábados e domingo, o foco são as motos de alta cilindrada.
De acordo com Joelson Ferreira, coordenador de tráfego da empresa, os motociclistas recebem material impresso com orientações sobre os itens de segurança pessoal, como o uso do capacete, calçados apropriados, luvas e aplicação de material refletivo no capacete e jaqueta. “Também alertamos para a manutenção constante das motocicletas, principalmente sobre as condições dos pneus, freios, farol, lanterna e corrente”, enfatizou.
Ainda segundo Ferreira, o respeito aos limites de velocidade e a distância de segurança do veículo à frente deve ser mantido pelos condutores de moto para que haja mais segurança aos usuários e menos ocorrência de sinistros. “Trafegar pelo corredor das rodovias é um grande risco, o que pode causar graves acidentes”, frisou Ferreira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui