APREENSÃO: PRF do Paraná apreendeu maços de cigarros contrabandeados do Paraguai e avaliados em pelo menos R$ 2 milhões; a carga ilícita estava escondida sob uma camada de cavaco de madeira (resíduos de eucalipto). Foto: Divulgação

Abordado na BR-272, motorista foi preso em flagrante; em uma semana já foram apreendidos R$ 17 milhões em cigarros na região de Guaíra (PR)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu cerca de 400 mil carteiras de cigarro na manhã desta segunda-feira (19) em Guaíra, na região oeste do Paraná.

Contrabandeada do Paraguai e avaliada em pelo menos R$ 2 milhões, a carga ilícita estava escondida sob uma camada de cavaco de madeira (resíduos de eucalipto).

Os agentes da PRF abordaram a carreta por volta de 8h30, na BR-272. Após desconfiar do motorista, eles decidiram fazer uma fiscalização minuciosa do veículo, quando a carga de cigarro foi descoberta.

O preso, de 29 anos de idade, disse que saiu de Iguatemi (MS) com destino ao Paraná. Ele teria sido contratado em Umuarama (PR), mas o destino final da carga seria informado ao longo da viagem.

A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Federal em Guaíra. O crime de contrabando prevê pena de dois a cinco anos de prisão.

Em uma semana, desde a última segunda-feira (12), os policiais rodoviários federais apreenderam aproximadamente 3,4 milhões de carteiras de cigarro contrabandeadas do Paraguai, apenas na região de Guaíra. O valor de mercado desse montante aprendido no período ultrapassa R$ 17 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Por favor, digite seu nome aqui